Neymar ousa e Fred decepciona em treino de pênaltis

Entre os jogadores que treinaram pênaltis, nenhum conseguiu 100% de aproveitamento; Neymar e Oscar são os melhores

Leandro Silveira, O Estado de S. Paulo

31 de maio de 2014 | 18h50

TERESÓPOLIS - Foi apenas um treino de cobranças de pênaltis que envolveu quatro jogadores de linha e dois goleiros, mas o desempenho da dupla de ataque titular da seleção brasileira chamou a atenção neste sábado, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), onde a equipe se prepara para a disputa da Copa do Mundo.

Após o primeiro coletivo da seleção brasileira na região serrana do Rio de Janeiro, o volante Hernanes, o meia Oscar e os atacantes Neymar e Fred cobraram pênaltis contra Victor e Jefferson, goleiros reservas da seleção brasileira. O desempenho dos homens do ataque, em níveis opostos, foi o que surpreendeu.

Fred errou os três pênaltis que bateu - um foi defendido por Jefferson, outro acertou a trave e um foi para fora. Já Neymar perdeu uma de quatro cobranças. Mas o que mais chamou a atenção foi o seu último pênalti. Afinal, o atacante do Barcelona ludibriou Victor ao chutar com o pé de apoio, o esquerdo, fazendo o gol.

Assim como Neymar, Oscar fez três gols em quatro finalizações, um a mais, portanto do que Hernanes, que teve uma finalização defendida por cada goleiro: Victor e Jefferson. Enquanto isso, outros jogadores da seleção treinavam cobranças de falta.

O trabalho encerrou as atividades da seleção brasileira neste sábado na Granja Comary. A equipe volta a treinar na manhã deste domingo, às 10 horas, no mesmo dia da viagem para Goiânia, onde vai enfrentar o Panamá na terça-feira, no Estádio Serra Dourada, no seu primeiro amistoso na preparação para a Copa do Mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.