Torcedores recebem seleção chilena com festa em Santiago

Jogadores e comissão técnica foram recepcionados pela presidente Michelle Bachelet e saudados por multidão na Praça da Constituição

AE, Agência Estado

29 de junho de 2014 | 20h05

A seleção do Chile foi recebida com festa neste domingo pelas ruas de Santiago depois da campanha na Copa do Mundo no Brasil. Os jogadores e a comissão técnica conversaram com a presidente chilena, Michelle Bachelet, no Palácio La Moneda, e foram saudados por uma multidão na Praça da Constituição, no centro da capital. Alguns como José Rojas, Gonzalo Jara e Eduardo Vargas chegaram a atirar suas camisas para os torcedores.

"Nós os consideramos um exemplo", afirmou Bachelet. Segundo ela, a seleção chilena proporcionou à nação sul-americana "momentos de grande alegria e de grande emoção". A equipe foi eliminada neste sábado da competição pelo Brasil, nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar e depois por 0 a 0 na prorrogação. "Eles jogaram espetacularmente bem e mereciam ganhar", disse, referindo-se à disputa com os donos da casa.

Bachelet também ressaltou que a Copa América de 2015 será realizada no Chile e prometeu que os estádios do país estarão à altura do evento. "Será uma nova oportunidade (de ganhar)". "Estamos orgulhosos de vocês. Se não ganharam, pelo menos deram dor de cabeça aos grandes", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.