Valdivia descarta lesão e diz estar pronto para jogar na Copa

Meia causou preocupação no Chile, mas afirma que não enfrentou o Egito apenas por precaução

AE, Agência Estado

31 de maio de 2014 | 20h45

SANTIAGO - O meia Valdivia chegou a fazer exames na quinta-feira, depois de ter perdido o treino do dia anterior, e não entrou em campo no amistoso de sexta, quando a seleção chilena venceu o Egito por 3 a 2, em Santiago. Neste sábado, porém, ele avisou que não tem nenhuma lesão e que está bem, pronto para jogar.

Famoso pela sequência de lesões musculares que vem enfrentando nos últimos anos no Palmeiras, Valdivia causou preocupação no Chile diante dos acontecimentos desta semana, por causa da possibilidade de ter novo problema físico. O exame de quinta-feira já descartou qualquer contusão, o que foi confirmado por ele.

"Não tenho nada, está tudo tranquilo", afirmou Valdivia, em entrevista para a imprensa chilena neste sábado, quando disse que não enfrentou o Egito por precaução. Ainda segundo ele, está à disposição do técnico Jorge Sampaoli para o amistoso de quarta-feira, contra a Irlanda do Norte, na cidade de Valparaíso.

Valdivia é uma das armas do Chile para a disputa da Copa do Mundo. No complicado Grupo B da competição, a seleção chilena enfrentará as duas finalistas do último Mundial, a campeã Espanha e a vice Holanda, além da Austrália.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014futebolValdiviaChile

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.