Copa do Mundo define seus últimos onze classificados em novembro

África é o único continente sem nenhum representante classificado até o momento

AE, Agência Estado

16 de outubro de 2013 | 12h05

SÃO PAULO - Dezessete jogos entre 13 e 19 de novembro vão definir os últimos classificados para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Com um total de 21 equipes já com passaporte garantido após a rodada de jogos desta última terça-feira, 11 vagas ainda seguem em jogo. Destas, quatro são para europeus, cinco para africanos e outras duas serão disputadas por países das Américas do Sul e do Norte, da Oceania e da Ásia.

A África é o único continente que ainda não classificou ninguém para a Copa. Nesta última fase das eliminatórias locais, dez equipes se enfrentam em cinco confrontos mata-matas. Os vencedores virão ao Brasil. Gana tem um pé e meio na Copa depois de fazer 6 a 1 no Egito, nesta terça. Na volta, dia 19 de novembro, só deixa escapar a vaga em caso de sofrer uma goleada histórica e improvável. A Nigéria joga em casa contra Etiópia, depois de fazer 2 a 1 fora, e também é favorita à classificação.

Depois de ganhar de 3 a 1 em casa, a Costa do Marfim vai ao Senegal em vantagem. Mesma situação de Burkina Faso, que fez 3 a 2 na Argélia e agora busca a classificação para a sua primeira Copa do Mundo. Tradicionais, Tunísia e Camarões ficaram no 0 a 0 e a vaga agora será decidida em Yaounde.

 

EUROPA

O Velho Continente já viu nove seleções se garantirem na Copa ao fim da fase de grupos. Agora, em novembro, outros oito times vão jogar confrontos de ida e volta para definir os quatro últimos classificados. Croácia, Grécia, Islândia, França, Portugal, Romênia, Suécia e Ucrânia brigam pelas vagas. Desses, só a Islândia nunca jogou um Mundial.

A definição dos quatro confrontos acontecerá através de um sorteio, a ser realizado pela Fifa na próxima segunda-feira, em Zurique, na Suíça. Será a chance de grandes forças do futebol, como a campeã mundial França, Portugal do astro Cristiano Ronaldo e a Suécia do artilheiro Ibrahimovic garantirem vaga na Copa de 2014. Das mais tradicionais seleções europeias, nenhuma foi eliminada por enquanto. Conseguiram a vaga direta Bélgica, Itália, Alemanha, Holanda, Suíça, Rússia, Bósnia-Herzegovina, Inglaterra e Espanha.

REPESCAGEM MUNDIAL

Com a ajuda providencial dos Estados Unidos, que viraram sobre o Panamá, fora de casa, com um time reserva, o México terminou em quarto nas Eliminatórias da Concacaf e garantiu vaga na repescagem contra a Nova Zelândia, melhor time da Oceania.

Por conta da longa viagem, os confrontos serão separados por uma semana. Primeiro no dia 13, no México, provavelmente no Estádio Azteca. A volta será em 20 de novembro, em Wellington. Na outra chave da repescagem, o Uruguai, semifinalista do último Mundial, vai tentar confirmar a posição de favorito contra a Jordânia. Primeiro atuará em Aman e depois receberá os asiáticos em Montevidéu.

CLASSIFICADOS

Nas Eliminatórias da Concacaf, a última vaga ficou com Honduras, que se juntou a Estados Unidos e Costa Rica, que haviam se classificado antecipadamente. Da América do Sul passaram Argentina, Uruguai, Equador e Chile. Esses dois últimos carimbaram seus passaportes na terça-feira à noite. Já a Ásia havia sido o primeiro continente a definir seus classificados: Japão, Coreia do Sul, Irã e Austrália, que apesar de ser um país da Oceania é filiado à federação asiática, que tem nível mais alto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.