Copa SP: rivais mantêm mistério nos times

Na antevéspera da decisão da Copa São Paulo de Juniores, os técnicos de São Paulo e Corinthians ainda mantêm dúvidas nas escalações de seus times. Tanto Vizolli como Adaílton Ladeira farão treinamentos coletivos neste sábado cedo, quando a missão será encontrar os substitutos para os jogadores suspensos com dois cartões amarelos. Neste quesito os finalistas estão iguais com duas baixas cada.O São Paulo não terá o volante Renan e o meia Fábio Santos. Para confundir o adversário, o técnico deixa tudo em dúvida. Na vaga de Fábio Santos, três jogadores podem entrar: Hernandes, Rafinha e Ailton. No lugar de Renan, é provável a entrada de Alê. O técnico ainda garante que vai aguardar uma posição do departamento médico sobre o zagueiro Edcarlos, com dores no tendão do pé direito, e o atacante Paulo Krause, com dores musculares. "Com tanto problema, é melhor aguardar um pouco", justificou Vizolli, que comanda o coletivo rápido neste sábado no CT da Barra Funda.Do lado do Corinthians, Adaílton Ladeira também tem dois desfalques: o baixinho Elton e o segundo volante Bruno Otávio. Por outro lado, ele terá à disposição a volta de dois jogadores que cumpriram suspensão: o lateral-esquerdo Fininho e o atacante Abuda, artilheiro do time com quatro gols. O mais provável é que Fininho entre no lugar de Ronny que seria deslocado para o meio-campo no lugar de Bruno Otávio.Para o lugar de Elton há duas opções. Uma delas é a entrada de Ednei. A outra é a escalação de três atacantes, com a volta de Abuda e a manutenção de Bobô. Para Ladeira, "é difícil não escalar o Abuda, que é artilheiro do time, e difícil tirar o Bobô que marcou gol e vem com moral alto". A definição pode acontecer na manhã deste sábado no coletivo que será feito no Parque São Jorge.

Agencia Estado,

23 de janeiro de 2004 | 19h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.