Fadi Alassaad/Reuters
Fadi Alassaad/Reuters

Coreia do Norte anuncia meia que jogou Copa do Mundo de 2010 para treinador

Primeira competição de Kim Yong Jun pela equipe será a Copa da Ásia, que acontecerá no início de 2019 nos Emirados Árabes Unidos

Estadão Conteúdo

12 de dezembro de 2018 | 09h50

A Coreia do Norte, que tem um dos regimes mais fechados do mundo, resolveu adotar uma solução caseira para a sua seleção de futebol. Nesta terça-feira, de acordo com a agência de noticiais estatal KCNA, a federação local anunciou que o meia Kim Yong Jun, de 35 anos, é o novo técnico para a disputa da Copa da Ásia, que acontecerá no início de 2019 nos Emirados Árabes Unidos.

O ex-jogador da seleção norte-coreana entra no lugar do norueguês Jorn Andersen, que deixou o comando há seis meses depois de não aceitar uma renovação de contrato por mais duas temporadas com o país que ocupa atualmente a 109.ª colocação no ranking da Fifa.

Kim Yong Jun ainda joga futebol profissionalmente em um time da Coreia do Norte: o Pyongyang City, onde começou nas categorias de base. Na sua carreira, passou também por dois clubes da China. Na seleção, seu auge foi a participação na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, onde enfrentou o Brasil na fase de grupos - derrota por 2 a 1 na partida de estreia.

Na Copa da Ásia, a Coreia do Norte está no Grupo E junto com três seleções do Oriente Médio: Catar, Líbano e Arábia Saudita. A estreia, no dia 7 de janeiro, será contra os sauditas, em Dubai.

Mais conteúdo sobre:
Coreia do Norte [Ásia]futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.