Fifa/Divulgação
Fifa/Divulgação

Coreia do Sul bate Chile e avança às oitavas do Mundial Sub-17

Equipe sul-americana tem apenas uma vitória em três jogos na competição que está sendo realizada no Brasil

Redação, Estadão Conteúdo

02 de novembro de 2019 | 23h59

A Coreia do Sul se juntou à França e também se garantiu nas oitavas de final do Mundial Sub-17, que está sendo disputado no Brasil. O time asiático assegurou a classificação neste sábado ao vencer o Chile por 2 a 1, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), pelo Grupo C.

Com duas vitórias em três jogos, a equipe sul-coreana chegou aos seis pontos e ficou com uma das duas vagas diretas da chave no mata-mata. Paik Sanghoon, logo aos 51 segundos de jogo, e Hong Sungwook, aos 30 minutos do primeiro tempo, marcaram os gols da Coreia do Sul. Pelo Chile, Alexander Oroz descontou também na etapa inicial, aos 41.

O tropeço deixou a equipe sul-americana com apenas uma vitória em três jogos. O time ocupa, assim, a terceira posição da chave, com três pontos. Apesar disso, o Chile ainda tem chances de classificação, desde que seja um dos quatro melhores terceiros colocados desta fase de grupos.

Pela mesma chave, a França derrotou o já eliminado Haiti por 2 a 0, em Goiânia. Um dos principais favoritos ao título, o time francês entrou em campo já garantido nas oitavas. Georgino Rutter marcou duas vezes, em apenas dois minutos, aos 33 e aos 34 minutos do segundo tempo, para confirmar o favoritismo dos franceses - o primeiro foi de pênalti. Os franceses lideram a chave, com nove pontos e aproveitamento de 100%. O Haiti é o quarto colocado, sem pontuar no Mundial.

Pelo Grupo D, a Holanda goleou os Estados Unidos por 4 a 0, enquanto o Japão superou o Senegal por 1 a 0. Atual campeã europeia da categoria, a equipe holandesa contou com gols de Sontje Haansen, duas vezes, Mohamed Taabouni e Jayden Braaf. E também desperdiçou um pênalti.

O gol perdido em Goiânia pode fazer falta porque, apesar do título europeu, a Holanda ocupa apenas a terceira colocação da chave, com três pontos. Tenta, portanto, se classificar como um dos melhores terceiros.

Líder do grupo, o Japão balançou as redes apenas uma vez, e somente aos 38 minutos do segundo tempo, com Jun Nishikawa. Os japoneses somam sete pontos, contra seis do Senegal. Ambos já estão classificados para as oitavas de final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.