Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Coreia do Sul vence amistoso antes de partida crucial

A Coreia do Sul venceu com facilidade o Uzbequistão por 4 x 2 neste sábado e ganhou confiança para a partida das eliminatórias da Copa do Mundo na próxima semana, em casa, contra o Kuweit.

REUTERS

25 de fevereiro de 2012 | 14h15

Foi uma importante vitória para o treinador Choi Kang-Hee em sua primeira partida no cargo após substituir Cho Kwang-rae, demitido após após a derrota da Coreia do Sul por 2 x 1 para o Líbano, em novembro.

Lee Dong-gook e Kim Chi-woo marcaram dois gols cada um no Jeonju World Cup Stadium, mas os anfitriões, que esperam chegar à oitava Copa do Mundo consecutiva, foram obrigados a se defender de uma reação tardia dos visitantes.

A Coreia do Sul, semifinalista e co-anfitriã da Copa do Mundo de 2002 junto com o Japão, tem que evitar a derrota contra o Kuweit para avançar à fase final das eliminatórias para a Copa 2014, no Brasil.

Embora a Coreia do Sul tenha um saldo de 10 gols a mais que o Líbano no Grupo B, ela será eliminada se perder para o Kuweit e se equipe libanesa vencer ou empatar com a Emirados Árabes Unidos.

Os preparativos do Kuweit para o jogo tomaram um baque na sexta-feira, com a derrota fora de casa por 2 x 0 para a China.

Quando o substituto Kim fez 3 x 0 para a Coréia do Sul no início do segundo tempo, após os dois de Lee no primeiro tempo, o jogo parecia terminado.

Mas Anvar Rakhimov diminuiu aos 32 e Stanislav Andreev converteu uma penalidade logo depois, expondo novamente as fragilidades defensivas da Coreia do Sul.

No entanto, Kim aumentou a favor dos coreanos cobrando falta nos últimos instantes e levantou o moral da equipe antes do jogo contra o Kuwait, que tem oito pontos.

Espera-se que o Líbano vença os Emirados, que perdeu todas as suas cinco partidas, deixando a Coreia do Sul e Kuweit brigando pela outra vaga.

Já o Uzbequistão garantiu seu lugar na fase final, junto com o Japão pelo Grupo C.

(Reportagem de Alastair Himmer em Tóquio)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTCOREIASUZBEQUISTAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.