Corinthians acerta salário com argentino Escudero

A diretoria do Corinthians fechou as bases salariais para a contratação do argentino Escudero, zagueiro e lateral que atuou pelo Argentinos Juniors neste ano. O jogador visitou o clube nesta sexta-feira, mas só poderá treinar com os novos companheiros mediante o pagamento da primeira parcela da negociação de compra.Por 50% de seus direitos, o Corinthians desembolsará US$ 1,3 milhão (cerca de R$ 3 milhões) em seis vezes, com vencimento todo dia 20, até junho. "Primeiro, temos de pagar, para depois termos o direito ao jogador. Isso foi uma cláusula acordada com os argentinos", informou Antônio Carlos. "Até dia 10 vai ser paga a primeira parcela e ele será apresentado. Enquanto isso, não poderá treinar com a gente".Caso o Corinthians falhe no pagamento da entrada, o negócio será desfeito. "Isso não acontecerá. Acredito que possamos pagar até dia 2 para ele ir para Itu com os demais jogadores", informa Mário Gobbi, confiante no fechamento de novo contrato de patrocínio até a data. Escudero ficou famoso por ter marcado o gol da vitória do Argentinos Juniors contra o Palmeiras, pela Copa Sul-Americana, no Palestra Itália, e já deu entrevistas se declarando jogador do Corinthians. Será uma opção para Mano quando jogar com três zagueiros.Os dirigentes garantem que, além de Escudero e Jean, apenas mais um atacante será contratado. "Com a permanência ou não do Herrera. Vamos trabalhar com um número de 30 jogadores", adiantou Antônio Carlos.O dirigente também confirmou a saída de alguns jogadores com contrato por terminar: Perdigão, Alves, Almeida, Bebeto e Marcel estão fora dos planos. Assim como Fábio Ferreira e Diogo Rincón, já liberados anteriormente. Acosta, nos planos do Náutico, Otacílio Neto, sondado pelo Noroeste, e Careca continuam no grupo. Dênis pediu para ser emprestado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.