Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Corinthians anuncia o retorno do atacante Jô

Jogador de 33 anos estava atuando no futebol japonês e fará sua terceira passagem pelo time alvinegro

Redação, O Estado de S.Paulo

17 de junho de 2020 | 10h53

O Corinthians anunciou nesta quarta-feira o retorno do atacante Jô. O jogador terá vínculo com a equipe alvinegra até o final de 2023. Andrés Sanchez ressaltou nas últimas semanas que o clube paulista não faria nenhuma loucura econômica e as futuras contratações seguiriam o teto salarial estipulado pela diretoria.

Jô é fruto das categorias de base do Parque São Jorge. Ele estreou pela equipe profissional do Corinthians em 2003, quando tinha apenas 16 anos, e vestiu os mantos da equipe alvinegra até 2006, ano em que foi vendido para o CSKA, da Rússia.

Durante seu período no exterior, o atacante passou pelo Manchester City, Everton e, antes de retornar ao Brasil, em 2011, pelo Galatasaray, da Turquia. Jô voltou ao futebol brasileiro para defender os mantos do Internacional e do Atlético-MG.

Em 2015, o jogador foi para o Al-Shabab, dos Emirados Árabes, e, no ano seguinte, para o Jiangsu Suning, da China. Jô retornaria ao Corinthians, em 2017, ano em que foi campeão paulista e brasileiro, sob os comandos de Fábio Carille, e se tornaria o primeiro artilheiro alvinegro do Brasileirão, com 18 gols.

Novamente, o atacante despertou interesse internacional e foi vendido, em 2018, ao Nagoya Grampus, do Japão. Na época, sua venda gerou uma receita de R$ 43 milhões aos cofres do Corinthians. Dois anos após sua saída, a cria da base alvinegra retorna ao clube pelo qual foi revelado.  

Para anunciar a contratação do atacante, o clube fez diversas postagens bem humoradas em suas redes sociais.

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.