Rodrigo Gazzanel/ Ag. Corinthians.
Rodrigo Gazzanel/ Ag. Corinthians.

Corinthians aposta na volta de Pedrinho para retomar criatividade no ataque

Ausência do meia, que estava na seleção, pesou para a atuação irregular diante do Internacional

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2019 | 04h30

Um dos jogadores mais importantes do Corinthians na temporada, o meia Pedrinho está de volta após disputar o Torneio de Tenerife, na Espanha, com a seleção olímpica. O retorno é fundamental para a equipe buscar a vaga na Libertadores. Nos oitos jogos em que ele esteve ausente no Brasileirão, o Corinthians conseguiu seis empates e duas derrotas, ou seja, não venceu. 

Com Pedrinho jogando centralizado, mudança adotada pelo técnico interino Dyego Coelho, o Corinthians conseguiu ser mais ofensivo, com maior dinamismo na criação de jogadas nas partidas diante do Fortaleza e Palmeiras. Diante do Internacional, sem o jogador, o Corinthians voltou a ter uma atuação apática, principalmente no primeiro tempo. 

No treino desta terça-feira, o armador permaneceu na parte interna do Centro de Treinamento Joaquim Grava fazendo trabalhos regenerativos na academia. Ele deve trabalhar com bola nesta quarta-feira. Coelho também deverá ter o retorno de Gabriel, que cumpriu suspensão contra o Internacional e deve voltar ao time titular no próximo fim de semana. 

No treino desta quarta-feira, Dyego Coelho comandou dois tipos de coletivo em campo reduzido. Primeiro, em um espaço pequeno, dividiu o grupo e fez com que os goleiros participassem com os pés apenas, uma atividade que o treinador interino vem repetindo com frequência.

O Corinthians vai reavaliar nesta quarta-feira a situação do atacante Mauro Boselli, que foi diagnosticado com uma contratura muscular na coxa direita. Boselli foi substituído na segunda etapa da partida contra o Internacional, no último domingo, dando lugar a Gustavo. O argentino já iniciou o tratamento com a fisioterapia do clube.

A provável escalação do Corinthians tem: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Janderson, Pedrinho e Mateus Vital; Vagner Love. Os titulares na partida contra o Internacional ficaram apenas na parte interna nesta terça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.