Corinthians apresenta lateral Alessandro e volante Perdigão

Outro reforço que pode chegar ao Parque São Jorge é o volante Fabinho; proposta já foi enviada

10 de janeiro de 2008 | 20h34

O lateral-direito Alessandro e o volante Perdigão se integraram nesta quinta-feira ao restante do elenco corintiano que realiza pré-temporada em Itu, no interior de São Paulo. E nesta sexta, o Corinthians apresenta seu 12.º reforço para a temporada de 2008: o lateral-esquerdo André Santos, que estava no Figueirense. Veja também: Camisa 10 do Corinthians 'sobra' para o uruguaio Acosta A negociação com André Santos foi fechada na noite de quarta-feira. O Corinthians pagou R$ 1 milhão por 50% dos direitos do jogador, que tem 24 anos e assinou contrato por três temporadas com o clube paulista. Enquanto isso, dois reforços chegaram nesta quinta-feira ao Corinthians. "Quero fazer história no clube, garanto que não serei mais um", afirmou o volante Perdigão, de 30 anos, que foi dispensado pelo Vasco.  Já Alessandro, que completou 29 anos nesta quinta-feira, disse que fechar com o Corinthians foi seu "presente de aniversário". Na sua apresentação, porém, o lateral-direito preferiu não criar polêmica sobre em que posição atuará. "Vou jogar onde o Mano preferir e onde eu me sentir melhor", afirmou o jogador que veio do Santos. "Serei aberto com o treinador." No Santos, Alessandro era lateral-direito. Mas no Corinthians ele deve ser aproveitado pelo técnico Mano Menezes no meio-de-campo. MAIS REFORÇOS A diretoria do Corinthians ainda se esforça para contratar outros jogadores. O vice-presidente de futebol do clube, Mário Gobbi, afirmou que tenta trazer o volante Fabinho, do Toulouse (França). "Eles querem o Bruno Octávio, mas o dirigente do clube francês que cuida das negociações está viajando", explicou o cartola corintiano. Por outro lado, o Corinthians informou nesta quinta-feira que a venda do lateral-direito Coelho para o Celtic, da Escócia, foi cancelada. Segundo a diretoria, os escoceses queriam pagar a transferência em parcelas, enquanto os corintianos esperava receber à vista. Agora, o jogador deve ser negociado com outro clube.

Tudo o que sabemos sobre:
Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.