Carla Carniel / Reuters
Carla Carniel / Reuters

Corinthians bate o Palmeiras com dois de Roger Guedes e brilho de quarteto

Ex-palmeirense foi o nome do jogo ao marcar os gols da vitória de 2 a 1 na Neo Química Arena

Toni Assis, especial para o Estadão, O Estado de S.Paulo

25 de setembro de 2021 | 21h03

Em noite de exibição de gala do quarteto corintiano, Roger Guedes fez a diferença no clássico, anotou os dois gols do Corinthians na vitória por 2 a 1 sobre o Palmeiras e aproximou o time do Parque São Jorge do G-4 do Brasileirão. O resultado pôs fim a uma seca de sete partidas sem vitória sobre o rival. Assim, o Corinthians, que vinha de três empates consecutivos, pula agora para 33 pontos.

A derrota deixa o Palmeiras estagnado na classificação. O time segue com 38 pontos e pode ver o Flamengo se aproximar na tabela de classificação. No jogo deste sábado, o técnico Abel Ferreira colocou em campo um time equilibrado na marcação para segurar os donos da casa e se preocupou também em preservas alguns titulares.

O clássico mostrou duas equipes com posturas diferentes em campo. O Palmeiras apostou numa marcação alta com o intuito de dificultar a saída de bola dos donos da casa. Já o Corinthians, do técnico Sylvinho, optou por ter Roger Gudes como referência no ataque e concentrou as jogadas ofensivas a partir do meio-campo com Willian, Renato Augusto, Giuliano e Gabriel Pereira.

A primeira boa chance foi palmeirense. Logo aos 6min, Scarpa finalizou com perigo da entrada da área para a defesa de Cássio. Mas o Corinthians não se intimidou e, na base do toque de bola, passou a incomodar a linha defensiva do seu rival Nessa transição rápida quem se destacou foi  Gabriel Pereira. Ora pela direita, ora pela esquerda, ele confundiu a marcação adversária e levou vantagem na maioria das jogadas de ataque.

O Palmeiras não conseguiu inibir o toque de bola corintiano e numa bobeada de Luan, o time da casa fez 1 a 0. Renato Augusto ganhou o lance pela esquerda, foi à linha de fundo e tocou para trás. Giuliano escorou de primeira e Roger Guedes chutou de perna esquerda, sem chances de defesa para Weverton aos 20min.  

A desvantagem abalou o Palmeiras. Os deslocamentos de Willian e a experiência de Renato Augusto em dar velocidade ao jogo aumentou o volume corintiano no ataque. Em outra investida pela direita, Gabriel Pereira serviu a Willian que chutou em cima da zaga.

O Palmeiras voltou a incomodar numa troca de passes que teve como desfecho uma finalização de Patrick de Paula. Mas a busca pelo empate quase custou mais um gol corintiano. Roger Guedes escapou pela esquerda após lançamento de Willian e mandou para as redes. O lance foi para a análise do VAR e o tento acabou invalidado por impedimento.

No final do primeiro tempo, o Palmeiras se arriscou em busca da igualdade e acabou achando o gol já nos acréscimos. Após escanteio da direita, a zaga corintiana fez o corte parcial, Gabriel Menino pegou o rebote e chutou forte. A finalização teve um desvio e enganou o goleiro Cássio: 1 a 1.

Na volta do intervalo, o técnico Abel Ferreira começou a poupar o time já pensando no confronto de volta das semifinais da Libertadores contra o Atlético. Primeiro colocou Zé Rafael na vaga de Patrick de Paula. Depois foi a vez de dar descanso a Dudu e Wesley colocando Willian e Luiz Adriano.

A intensidade da partida diminuiu na etapa final, embora o Corinthians tenha sido mais presente na área palmeirense. Apesar das saídas de Willian e Renato Augusto, o Corinthians seguiu em busca do segundo gol e acabou premiado em um belo lance do Roger Guedes. Ele arrancou pela esquerda, se livrou da marcação e, num belo chute, acertou o ângulo de Weverton: 2 a 1 aos 38min.

Na próxima rodada do Brasileiro, o Corinthians encara o Bragantino fora de casa. Já o Palmeiras vai jogar como mandante e terá pela frente a Chapecoense, no Allianz Parque.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 2 x 1 PALMEIRAS

CORINTHIANS – Cássio, Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo (Vitinho); Willian (Jô), Renato Augusto (Du Queiroz), Giuliano e Gabriel Pereira (Mosquito); Roger Guedes. Técnico: Sylvinho.

PALMEIRAS – Weverton; Gabriel Menino, Gustavo Gómez, Luan e Renan (Jorge); Danilo, Patrick de Paula (Zé Rafael), Gustavo Scarpa e Dudu (Willian); Wesley (Gabriel Veron) e Luiz Adriano (Deyverson).  Técnico: Abel Ferreira.

GOLS: Roger Guedes, aos 20min  e Gabriel Menino aos 46min do primeiro tempo. Roger Guedes, aos 38min do segundo tempo.  

CARTÕES AMARELOS – Fagner (Corinthians) e Patrick de Paula (Palmeiras)

ÁRBITRO – Raphael Claus (Fifa/SC).

LOCAL – Neo Química Arena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.