Daniel Augusto Jr./Divulgação
Daniel Augusto Jr./Divulgação

Corinthians busca vaga antecipada na Libertadores

Tite escala força máxima em Bogotá para ir às oitavas de final

VÍTOR MARQUES, O ESTADO DE S.PAULO

06 de abril de 2016 | 07h00
Atualizado 06 de abril de 2016 | 07h00

A derrota para o Palmeiras, garante Tite, não abalou o Corinthians para o jogo que pode garantir classificação antecipada na Copa Libertadores. A prova está na escalação: o time que encara o Santa Fe, em Bogotá, às 21h45, é idêntico ao que perdeu o clássico (1 a 0).

Para o treinador, se esquecer o que se passou domingo e mantiver seu padrão de jogo, o Corinthians tem condição de voltar da Colômbia com a vaga às oitavas de final assegurada. A situação está bem encaminhada.

O Alvinegro é o líder do Grupo 8, com nove pontos. Santa Fe e Cerro Porteño têm sete. Esta é uma chave de ‘três equipes’, porque o Cobresal perdeu seus quatro jogos e já está eliminado. A classificação do Corinthians será confirmada hoje se o time ganhar do Santa Fe. Um empate também é suficiente, mas é preciso que o Cerro tropece contra o Cobresal.

Já no pior cenário (derrota em Bogotá), bastará ao Corinthians vencer Cobresal em Itaquera (20/4), uma vez que Santa Fe e Cerro Porteño se enfrentarão última rodada. Tite confia em seus titulares. As presenças de Elias, ainda sem ritmo ideal, e de Guilherme e André, que foram mal no domingo, foram confirmadas pelo treinador. Segundo ele, o time absorveu o resultado negativo e tirou lições da derrota por 1 a 0.

Era necessário manter Elias no time para que volante melhorasse seu condicionamento físico. Ele ficou mais de um mês afastado se recuperando de contusão (12 jogos) até retornar ao time no clássico. No segundo tempo, Elias foi substituído por Maycon. Rodriguinho, que seria opção ideal, está contundido.

Guilherme e André ainda têm a confiança do treinador. Guilherme tenta se adaptar a uma função nova e difícil: substituir Renato Augusto, negociado com o futebol chinês.

Já André vive má fase, repetindo o início ruim de Vagner Love no Corinthians. Para o lugar do centroavante, Tite tem boas opções no banco de reservas: ou dá nova chance a Luciano entre os titulares ou aposta em Romero, apesar de o paraguaio jogar em posição diferente.

FICHA TÉCNICA:

Santa Fé: Zapata; Soto, Mina, Tesillo e Borja; Roa, Gordillo, Perlaza e Seijas; Gómez e Ibargüen.

Técnico: Alexis García.

Corinthians: Cássio; Fagner, Yago, Felipe e Uendel; Bruno Henrique, Elias e Giovanni Augusto; Guilherme, André e Lucca. Técnico: Tite.

Juiz: Néstor Pitana (ARG).

Local: El Campín, em Bogotá (Colômbia). 

Horário: 21h45.

Na TV: Globo, Fox Sports e SporTV 2.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.