Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Corinthians chega a 120 mil sócios-torcedores e pressiona Palmeiras

Alvinegro é o terceiro colocado no ranking nacional

O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2015 | 16h48

O Corinthians atingiu nesta sexta-feira a marca de 120 mil sócios-torcedores e diminuiu a distância para o Palmeiras, segundo colocado no ranking nacional. Desde o início do mês, o Alvinegro já ganhou quase 5 mil novos associados. O Palmeiras permanece estável com 129 mil. O líder é o Internacional, com 146.828.

No ano, o Corinthians teve um aumento de mais de 53 mil novos sócios-torcedores. O clube tem como meta a longo prazo possuir o maior programa de sócio-torcedor do mundo e espera superar o Benfica, de Portugal, que conta atualmente com 270 mil sócios-torcedores.

O principal benefício do sócio-torcedor é poder comprar ingresso antecipado para partidas no Itaquerão. As entradas para o jogo de domingo, contra o Joinville, por exemplo, já estão esgotados. A expectativa é de público superior a 41 mil pessoas. Para o clássico do próximo dia 20, com o Santos, também no Itaquerão não há mais bilhetes disponíveis para os setores mais baratos do estádio.

Em abril, o Alvinegro lançou novos pacotes do Fiel Torcedor para atrair mais sócios. Foi criada uma categoria com mensalidade a partir de R$ 9 e outra atrelada às cadeiras cativas no Itaquerão.

Todo dinheiro das mensalidades vai para o clube. Já a arrecadação com a venda de ingressos é destinada para o fundo que administra o Itaquerão e é responsável por pagar os financiamentos feitos durante as obras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.