Alex Silva|Estadão
Alex Silva|Estadão

Perto do Brasileirão, Corinthians mantém ponta no sócio-torcedor

Clube assumiu topo do ranking no ano do hexacampeonato. Palmeiras, Internacional e São Paulo diminuem diferença

O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2016 | 12h35

No final do ano em que se sagrou hexacampeão brasileiro, o Corinthians ultrapassou Internacional Palmeiras e assumiu a liderança do ranking de sócios-torcedores no País. Às vésperas do início de mais um campeonato Nacional, o alvinegro segue na ponta da lista, mas vê a diferença para os rivais diminuir. 

Segundo ranking do "Movimento por um Futebol Melhor", o Corinthians possui 130.408 cadastrados no programa Fiel Torcedor. Só em 2016, porém, o clube já perdeu 4.172 associados. O Palmeiras é o vice-líder da contagem, com 126.675 afiliados ao "Avanti, 228 torcedores a menos do que no final de 2015. Seguindo a dupla paulista está o Internacional, com 112.756. O clube gaúcho, ao contrário da maioria, não atualiza seus números constantemente. O número atual é o mesmo registrado ao término de 2015. 

Os dois clubes que mais conseguiram novos associados em 2016 disputam vaga na semifinal da Copa Libertadores. Desde a virada do ano, o São Paulo já conseguiu 14.853 novos sócios-torcedores. O Atlético-MG vem logo atrás, com 13.479 novos cadastrados no Galo na Veia. Na lista total, o clube do Morumbi é o quarto colocado, com de 95.429 afiliados. Já o alvinegro de Minas Gerais é o oitavo, com 61.504. 

Finalista e surpresa do Campeonato Paulista, o Grêmio Osasco Audax é o 19º colocado na tabela, com 10.156 sócios. O time da Grande São Paulo fica à frente de times tradicionais do futebol brasileiro, como Vasco (24º) e Náutico (26º).

Entre os 20 times da primeira divisão, Atlético-PR, Coritiba, Figueirense e Santa Cruz não possuem dados no ranking. Contando apenas clubes em divisões inferiores, Bahia, Joinville, Fortaleza e Brasil de Pelotas, da Série B, e Grêmio Osasco, na D, figuram entre os 20 maiores programas de sócios-torcedores.

RANKING DE SÓCIOS-TORCEDORES (SÓ EM 2016)

1º - Corinthians: 130.408 (em 2016: -4.172 cadastrados)

2º - Palmeiras: 126.675 (-228)

3º - Internacional: 112.756 (0)

4º - São Paulo: 95.429 (+14.853)

5º - Grêmio: 94.702 (+5.810)

6º - Cruzeiro: 74.878 (+1.794)

7º - Santos: 63.412 (+1.099)

8º - Atlético-MG: 61.504 (+13.479)

9º - Flamengo: 54.868 (-9.715)

10º - Sport: 43.656 (+1.981)

11º - Fluminense: 32.440 (-748)

12º - Bahia: 25.123 (+1.019)

13º - Ponte Preta: 18.476 (+311)

14º - Remo: 17.163 (+3.485)

15º - Botafogo: 13.521 (0)

16º - Joinville: 13.192 (+927)

17º - Vitória: 11.752 (+2.445)

18º - Fortaleza: 10.430 (+25)

19º - Grêmio Osasco: 10.156 (-8)

20º - Brasil de Pelotas: 9.175 (+168)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.