Divulgação/ Corinthians
Divulgação/ Corinthians

Corinthians confirma contratação do atacante André Luis, da Ponte Preta

Jogador assinou contrato por quatro temporadas e é o terceiro reforço anunciado para 2019

João Prata, O Estado de S.Paulo

06 Dezembro 2018 | 20h50

O Corinthians oficializou nesta quinta-feira a contratação do atacante André Luis, de 21 anos, que disputou a Série B pela Ponte Preta. O jogador já havia realizado exames médicos e assinou contrato por quatro temporadas.

O valor da contratação não foi informado. André Luis tem características semelhantes a de Clayson e Romero. É um jogador que atua pelos lados do campo. Na Segundona, marcou 11 gols e foi um dos destaques da equipe de Campinas que ficou próxima do acesso: terminou a competição em quinto lugar, com os mesmos 60 pontos do Goiás, que ficou em quarto por ter mais vitórias (18 a 16).

André Luis foi revelado no Atlético Paranaense em 2014. Depois, passou por Guaratinguetá-SP, Brasília-DF e ganhou destaque no Santa Cruz, em 2017, quando disputou a Série B. Apesar da campanha ruim da equipe, ele chamou a atenção do Botafogo, mas a negociação não se concretizou. Iniciou a atual temporada no Cianorte e foi contratado pela Ponte Preta em abril.

O atacante é o terceiro reforço oficialmente anunciado pelo Corinthians para 2019: o lateral-direito Michel Macedo e o atacante Gustavo Mosquito são os outros dois que já assinaram contrato. Eles chegaram a treinar com o restante do elenco no CT Joaquim Grava e só não participaram da reta final do Campeonato Brasileiro porque as inscrições estavam encerradas. 

O Corinthians agora deve confirmar nos próximos dias a chegada do volante Richard, que estava no Fluminense. O jogador também já realizou exames médicos e a expectativa é que assine contrato por três temporadas.

Os torcedores, no entanto, vivem a expectativa pela chegada do novo treinador. A diretoria demitiu Jair Ventura no início da semana e agora aguarda pelo retorno de Fábio Carille. O treinador já está apalavrado e deve realizar ao menos mais duas partidas no Al-Wehda, da Arábia Saudita, antes de se apresentar. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.