José Patrício/AE
José Patrício/AE

Corinthians confirma que o lateral Roberto Carlos vai para a Rússia

Com medo das ameaças da torcida alvinegra, ele deixa o País para jogar pelo Anzhi Makhachkala

AE, Agência Estado

12 de fevereiro de 2011 | 16h53

SÃO PAULO - O lateral-esquerdo Roberto Carlos não é mais jogador do Corinthians. Neste sábado, após o anúncio oficial por parte do presidente Andrés Sanchez, foi a vez de o site do clube comunicar que o campeão mundial com a seleção brasileira em 2002 acertou com o Anzhi Makhachkala, da Rússia.

Apesar de não divulgar quanto paga de salário aos seus jogadores, o Corinthians fez questão de estampar em seu site o montante que Roberto Carlos receberá na Rússia: R$ 15 milhões por ano.

Desta forma, o clube tenta se isentar de culpa pela saída do atleta. Depois de se dizer perseguido pela torcida e relatar ameaças sofridas, o lateral-esquerdo agora estaria deixando o Corinthians pelo alto salário oferecido pelo clube russo. Esta, aliás, foi a postura de Andrés Sanchez na entrevista coletiva que concedeu mais cedo.

"Não foram só os protestos que motivaram a saída do Roberto Carlos. Foram também a pressão e uma proposta irrecusável", afirmou Andrés Sanchez. Segundo o presidente, o lateral-esquerdo teria sido sondado pela Roma. O jornal russo Sport-Express publicou neste sábado que o clube Anzhi teria oferecido 5 milhões de euros (R$ 11,2 milhões) por ano ao jogador.

O Corinthians não divulgou qual o tempo de contrato de Roberto Carlos com o clube que acabou de subir para a primeira divisão da Rússia. O lateral-esquerdo deixa o clube paulista em comum acordo com a equipe. "Não vamos pagar nem receber pela rescisão", informou Andrés. O vínculo com o Corinthians terminaria somente em dezembro deste ano.

No Corinthians, Roberto Carlos disputou 64 partidas e marcou cinco gols, mas não conseguiu conquistar títulos, amargando duas eliminações na Libertadores - a de 2010 era considerada de extrema importância por ser o ano do centenário do clube. O lateral ainda participou da frustrante campanha no Brasileirão, quando o time perdeu o título para o Fluminense nas últimas rodadas.

Veja também:

blog Robson Morelli - Roberto Carlos está certo em pular fora

linkProposta irrecusável pesou na decisão de Roberto Carlos, diz Sanchez

linkCorintianos comemoram quatro anos sem derrotas para o São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.