Rodrigo Gazzanel/ Corinthians
Rodrigo Gazzanel/ Corinthians

Corinthians e Botafogo lamentam a morte do jogador Ramonzinho, de apenas 21 anos

Atacante atuou no time sub-20 do clube paulista e teve passagem mais recente pela equipe carioca

Redação, Estadao Conteudo

18 de março de 2020 | 20h22

O Corinthians lamentou a morte do atacante Ramonzinho, de 21 anos, que passou pela base do clube paulista e teve uma passagem mais recente pelo Botafogo, do Rio. O atleta, que atuou no time sub-20 do Corinthians, em 2018, morreu vítima de insuficiência renal grave, segundo i nformações de familiares.

"O Departamento de Formação de Atletas do Sport Club Corinthians Paulista informa com pesar o falecimento do seu ex-atleta das categorias de base, Ramonzinho. Um dos destaques da Copa São Paulo de 2018, quando fez três gols naquela campanha, o atleta esteve na base alvinegra nas temporadas de 2017 e 2018. O Departamento presta toda sua solidariedade aos familiares e amigos do atleta nesse momento difícil", lamentou o clube.

Ramon Cunha de Mello foi um atacante promissor e que chegou ao Corinthians por empréstimo do Nova Iguaçu. As dores abdominais atrapalharam sua carreira e ao ser examinado ele teve o diagnóstico de insuficiência renal. Teve de fazer hemodiálise quando seus rins pararam de funcionar e nesta quarta-feira acabou falecendo.

O Botafogo também prestou suas condolências a Ramonzinho. "Com imenso pesar e tristeza, o Botafogo de Futebol e Regatas lamenta o falecimento do ex-atleta das categorias de base Ramonzinho. Habilidoso e promissor, ele atuou na equipe sub-20 do Glorioso entre as temporadas de 2018 e 2019. O Botafogo decreta luto e manifesta sua solidariedade a familiares e amigos nesse momento difícil."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.