Daniela Souza/Estadão
Daniela Souza/Estadão

Corinthians e Internacional querem Tite em 2015

Clube paulista tem a concorrência do time gaúcho na corrida pelo treinador que está há um ano longe dos gramados

Gonçalo Junior, Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

05 de dezembro de 2014 | 07h00

Corinthians e Internacional disputam neste spabado o terceiro lugar do Brasileirão, que significa a vaga direta na Copa Libertadores, e também duelam pelo mesmo treinador. Tite é o nome preferido dos candidatos favoritos à presidência do Internacional, cuja eleição é dia 13, e também do Corinthians, que escolherá o novo mandatário em fevereiro.

Tite já recebeu informação de que os dois clubes gostariam de contratá-lo. O contato foi feito de maneira informal, por pessoas próximas às diretorias. Em resposta, o treinador disse que só aceitaria conversar depois do fim do torneio, caso se confirme a saída dos atuais técnicos.

No Corinthians, o presidente Mário Gobbi está ouvindo os candidatos à sua sucessão. A palavra final, no entanto, deverá ser do seu próprio grupo, encabeçado pelo ex-diretor de futebol Roberto de Andrade, o nome da situação na eleição, que recebe o apoio do ex-presidente e deputado federal eleito Andrés Sanchez. Apesar do apoio, o ex-mandatário defendeu Mano Menezes. “Se eu fosse o presidente, teria renovado com o Mano três meses atrás. Não gosto de trocar treinador”, afirmou em entrevista coletiva para o lançamento de uma campanha de doação de sangue. 

O principal argumento corintiano é o bom relacionamento entre os três (Tite, Andrés e Roberto) na passagem vitoriosa do treinador em 2012. O segundo nome da lista é Oswaldo Oliveira.

No Colorado, Tite é o favorito de Vitório Piffero, ex-presidente que disputará o cargo no dia 13. Os dois trabalharam juntos entre 2009 e 2010. Um dos entraves seria o meia D’Alessandro, que foi afastado depois de um atrito com Tite.

O duelo dos dois times pela vaga direta na Libertadores será definido neste sábado. O Corinthians precisa vencer o rebaixado Criciúma em casa e torcer para o Inter não derrotar o Figueirense, em Florianópolis.

PRIMEIRO REFORÇO

O Corinthians está muito perto de confirmar seu primeiro reforço para 2015: o volante Cristian, que defendeu o clube em 2009 e estava no Fenerbahce, da Turquia. Falta apenas a assinatura do contrato, mas o jogador e o clube já acertaram as bases do contrato. Cristian deverá ser o substituto de Ralf, que negocia sua ida para o futebol chinês. 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansInterTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.