Corinthians empata com o Juventus e deixa escapar a ponta

Time lidera o placar duas vezes, mas cede empate por 2 a 2; pela segunda vez no ano, equipe toma dois gols

Tercio David, estadao.com.br

15 de março de 2008 | 18h03

O que estava tranqüilo, de repente, tornou-se um pesadelo. Este foi o drama do Corinthians neste sábado, no empate por 2 a 2 com o Juventus, na abertura da 15.ª rodada do Campeonato Paulista. É a segunda vez no torneio que o time corintiano toma dois gols no mesmo jogo. A outra foi na derrota para o São Caetano, por 3 a 1.   Veja também:  Classificação  Resultados e calendário  Ouça os gols da partida  Vaiado pela torcida, Lulinha é defendido pelos companheiros  Tevez e Mascherano devem depor sobre caso MSI-Corinthians Com o tropeço, o Corinthians, que foi vaiado pela torcida pela primeira vez no ano, perdeu a chance de assumir a liderança do campeonato. Agora, com 27 pontos, o time segue na vice-liderança provisória, mas se mantém entre os times que vão à segunda fase, também graças ao confronto direto entre São Paulo e Palmeiras, respectivamente terceiro e quarto.   Para o Juventus, o empate também não foi o resultado dos sonhos. O time chegou a 16 pontos e corre o risco de terminar a rodada na zona de rebaixamento, faltando apenas quatro jogos para o final da fase de classificação.   Na próxima rodada, o Corinthians enfrenta o Rio Claro, novamente no Morumbi, no domingo. No mesmo dia, o Juventus visita o Bragantino, no Marcelo Stefani. Antes, na quarta, o Corinthians enfrenta o Fortaleza, no Castelão, pela Copa do Brasil. Também na quarta, em Santa Barbara D'Oeste, o Juventus enfrenta o Náutico.   DIREITAPela direita. Foi deste lado que o Corinthians concentrou as suas ações ofensivas no primeiro tempo, e com vários jogadores caindo pelo lado para fazer a função de 'ponta'.   E foi deste lado que saiu o primeiro gol do Corinthians, aos 18. Herrera recebeu ao lado da área e sofreu a falta. Heverton bateu e levantou na medida para Fabinho desviar de cabeça e marcar o seu primeiro gol no retorno ao time. "Estava na hora de fazer um. Demorou, mas saiu", disse o jogador, ainda no intervalo.   VACILOSLogo no começo do segundo tempo, a zaga corintiana cometeu um raro erro de posicionamento. Aos 10, Fernando Diniz lançou nas costas de Suárez. Lima recebeu livre, invadiu a área e bateu na saída de Felipe para empatar o jogo.   Três minutos depois, o Corinthians voltou a liderar o placar. Dentinho fez boa jogada, agora pela esquerda e rolou para Andre Santos, que recebeu na área, passou pelo marcador e bateu cruzado, sem chance para Marcelo.    Corinthians 2 Felipe; Suárez (Everton), Chicão e William; Carlos Alberto, Fabinho, Héverton (Caju), Diogo Rincón     (Lulinha) e André Santos; Dentinho e Herrera Técnico: Mano Menezes  Juventus 2 Marcelo; Dedimar    , Valdir (João Paulo), Gazaroto e Naves; Fernando Miguel    , Ludemar (Marcus Vinicius    ), Márcio Sena e Kanu (Vampeta); Fernando Diniz     e Lima Técnico: José Carlos Fescina Gols: Fabinho, aos 18 minutos do primeiro tempo. Lima, aos 10, André Santos, aos 13, e Marcus Vinicius, aos 31 minutos do segundo.Árbitro: Sálvio Spinola Fagundes FilhoRenda: R$ 241.309,00Público: 15.006 totalEstádio: Morumbi, em São Paulo (SP). Mas a zaga corintiana não estava mesmo em uma grande tarde e o Juventus voltou a empatar. Aos 15, Lima cruzou da direita, Fernando Diniz cabeceou na segunda trave e acertou o travessão. Livre, Marcus Vinicius completou para o gol de cabeça, com os corintianos observando tudo atentamente.   Depois do novo empate, o Corinthians não teve forças para buscar a vitória novamente. O Juventus, mais do que satisfeito, não se aventurou mais no ataque. Então, o jogo virou um duelo do ataque corintiano pouco criativo contra a defesa juventina bem postada, que rebatia todas as bolas. Venceu a segunda.   PREOCUPAÇÃOSentindo o joelho desde a metade do primeiro tempo, o meia Diogo Rincón deixou o Corinthians no intervalo para dar lugar a Lulinha. O jogador fará uma ressonância magnética na segunda-feira para avaliar a extensão da lesão.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansPaulistão A-1Juventus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.