Corinthians encara o Bragantino em jogo histórico

Animado pela goleada na Copa do Brasil, time completará neste domingo 5 mil partidas

Fábio Hecico, O Estado de S. Paulo

16 de fevereiro de 2008 | 14h39

O Corinthians viverá dia histórico neste domingo. Às 16 horas, no Morumbi, o clube completará 5 mil jogos em seus 98 anos de vida. Vai encarar o Bragantino (com transmissão do estadao.com.br), um adversário perigoso, quarto colocado da edição passada do Campeonato Paulista, no início de uma importante e difícil seqüência de jogos.   Veja também:  Classificação  Resultados e calendário Bate-pronto: Querem que os corintianos esqueçam da Série B Revelado o projeto do novo estádio do Corinthians   Após duelo com o time do interior, encara a Portuguesa, a Ponte Preta, que faz ótima campanha, o Palmeiras e o surpreendente Guaratinguetá. Depois de tropeços contra rivais de menos expressão (empates com Sertãozinho, Mirassol e Barueri), agora terá de mostrar se terá forças para se recuperar dos vexames de 2007.   A goleada por 6 a 0 sobre o Barras-PI, no meio de semana, pela Copa do Brasil, garantem os jogadores, não serviu de parâmetro para o Paulista. "Com todo o respeito, não enfrentamos um grande adversário no jogo passado. Agora, sim, teremos jogos muito mais difíceis e precisamos mostrar nossa força", enfatiza o argentino Herrera, motivado depois do primeiro gol pelo Corinthians.   Ganhando a simpatia de Mano Menezes e mostrando personalidade para pôr Acosta no banco e suprir a ausência de Finazzi, o atacante usa discurso bastante otimista. "O Corinthians tem grande aspiração nesta competição e o objetivo é chegar entre os quatro", afirma, já pensando nas semifinais. "Somos uma equipe muito boa e podemos chegar, sim."   Uma combinação de resultados, aliada a um triunfo na tarde deste domingo, pode colocar o Corinthians na quarta posição no encerramento da nona rodada.  CORINTHIANS Felipe; William, Chicão e Carlão; Alessandro, Bóvio, Bruno Octávio, Lulinha e André Santos; Dentinho e Herrera. Técnico: Mano Menezes.  BRAGANTINO Gléguer; Nei Santos, Tiago Vieira e Da Silva; Niander, Mário, Moradei, Bruno Cezarini e Zeziel; Nunes e Malaquias. Técnico: Marcelo Veiga. Árbitro: Elcio Pascoal Borborema.Estádio: Morumbi, em São Paulo (SP)Horário: 16 horasRádio: Eldorado/ESPN - AM 700TV: Pay-per-view   No dia do jogo de número 5 mil, a diretoria corintiana fará homenagem a alguns ídolos do passado. Biro-Biro, Neto, Sócrates, Zé Maria, Tião, Marcelinho Carioca, Geraldão, Basílio, Mauro, Vaguinho, Wilson Mano, Ronaldo, Zenon e Wladimir estarão no gramado do Morumbi para receber uma medalha, dar volta olímpica e receber o atual elenco. Gilmar dos Santos Neves, com problemas de saúde, também será homenageado. O Corinthians buscará sua vitória de número 2.611. Computa, ainda, 1.221 empates e 1.153 derrotas. Outros 15 jogos não têm o resultado registrado.   BRAGANTINOO duelo colocará frente a frente dois ex-parceiros. No ano passado, o Bragantino cedeu cinco jogadores para a equipe da capital. Deles, apenas o goleiro Felipe permanece no Parque São Jorge. Moradei e Kadu voltaram para Bragança e Zelão e Éverton Santos foram negociados com o exterior. O Braga soma 11 pontos no Paulista.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansPaulistão A-1Bragantino

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.