Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Corinthians 'encurta espaços' em treino para não ser surpreendido pelo Bragantino

Vagner Mancini projeta time para saber fugir de marcação e também para não deixar o rival encaixar o contragolpe

Redação, Estadão Conteúdo

23 de janeiro de 2021 | 15h26

O técnico Vagner Mancini não quer saber de tropeço diante do Red Bull Bragantino e vem ajustando o Corinthians para evitar surpresa na segunda-feira, na Neo Química Arena. O treinador arruma a parte técnica do time, reduzindo espaços para o grupo saber fugir de marcação e também para não deixar o rival encaixar o contragolpe.

Mais uma lição que o time aprendeu da derrota diante do Palmeiras. Assim como o rival, o time do interior também costuma ser muito ofensivo e fatal nas jogadas ofensivas. E vive bom momento no Brasileirão.

O Corinthians deixou muito espaço para o Palmeiras trabalhar na derrota por 4 a 0, no Allianz Parque. Agora, Mancini tenta agrupar seus jogadores para evitar que a bola chegue com frequência ao gol de Cássio. Saber trabalhar em espaço reduzido foi o foco do trabalho deste sábado.

A definição da equipe ocorre apenas neste domingo, mas Mancini quer mexer o mínimo possível. Deve optar pela manutenção de Mateus Vital entre os titulares, aproveitando a sua boa fase e os três gols marcados nos últimos quatro jogos, e adiar o retorno de Otero.

Na defesa, com a contusão no joelho de Jemerson, Gil volta para formar dupla com Bruno Méndez. Outro retorno após suspensão é do volante Gabriel. Camacho vai para a reserva.

Ganhar do Bragantino significa se manter firme na briga pela Libertadores. Mancini projetou 15 pontos para o Corinthians conseguir uma vaga. Ou seja, ganhar os quatro compromissos em casa, diante de Bragantino, Ceará, Athletico-PR e Vasco, e buscar mais três pontos nas visitas a Bahia, Flamengo, Santos e Internacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.