Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Corinthians enfrenta o invicto Novorizontino para aliviar o sufoco no Paulistão

Equipe alvinegra está na lanterna do Grupo D, com nove pontos, mas pode entrar na zona de classificação

Guilherme Amaro, O Estado de S.Paulo

07 de março de 2020 | 04h30

O Corinthians é o único dos quatro grandes do Estado que inicia a nona rodada do Campeonato Paulista fora da zona de classificação para as quartas de final. Pior: a equipe alvinegra está na lanterna do Grupo D, com nove pontos. Uma vitória sobre o Novorizontino, entretanto, pode mudar completamente a tabela e aliviar o sufoco corintiano. Atrás de Ferroviária, Guarani e Red Bull Bragantino, o Corinthians pode entrar na zona de classificação se ganhar do Novorizontino. 

Ciente da importância da partida, contra o único time invicto do Paulistão, o técnico Tiago Nunes tem passado confiança para os jogadores. Ele teve a semana cheia para preparar a equipe e focou nos trabalhos de finalização e também na parte mental do elenco. O Corinthians não vence há quatro jogos no Estadual, com dois empates e duas derrotas, além de ter sido eliminado pelo Guaraní do Paraguai ainda na segunda fase da Copa Libertadores da América.

“Se a equipe cria muitas chances de gol, temos que aprimorar principalmente a qualidade da execução da finalização. Repetimos muito para melhorar o gesto técnico. Variados tipos de finalizações. O segundo é o aspecto emocional para ser frio na hora de bater. Continuar criando, mas ser mais assertivo no terço final. Defensivamente, é conseguir não desconcentrar ou criar ansiedade. É dar tranquilidade, calma. Se der porrada nos caras, não vai ajudar. Tenho dado confiança. O resto é torcer que São Pedro não mande chuva para que tudo possa rolar com muita fluidez”, afirmou Tiago Nunes.

Contratado no fim do ano passado para mudar a cara do Corinthians, deixando de lado o estilo de jogo defensivo para fazer a equipe ser ofensiva, Tiago Nunes também sabe que está pressionado por causa dos últimos resultados. No dia 26 de fevereiro, antes do empate por 1 a 1 com o Santo André, torcedores organizados foram ao CT Joaquim Grava e fizeram cobranças. “Preste atenção, muito respeito com a camisa do Timão” foi o canto direcionado para o técnico. Os torcedores ainda criticaram jogadores e pediram a saída do presidente Andrés Sanchez, do diretor de futebol Duílio Monteiro Alves e do gerente Vilson Menezes.

“Eu sei que a gente vive do resultado. Não é que o Corinthians seja diferente de outros clubes, o dia a dia é igual, o que muda é a repercussão das decisões. Tento me blindar. É uma ideia de jogo nova para o Corinthians, não no futebol. Estamos tentando transformar esse clube gigantesco em um clube mais contemporâneo. O Corinthians merece esse protagonismo. Mas isso requer tempo, é igual aprender um novo idioma: palavras, frase, treinar o ouvido... É um processo. Está tudo dentro da conta. Estou confiante e tranquilo”, disse o técnico.

Para o jogo contra o Novorizontino, Tiago Nunes não poderá contar com Pedrinho, que viaja neste sábado a Portugal para acertar com o Benfica, e com o atacante Yony González, com dores na coxa direita.  A outra baixa é o meia Ramiro, que recupera-se de um estiramento no joelho direito sofrido ainda em janeiro.

O Novorizontino, por sua vez, é o único time invicto do Paulistão. No entanto, também está fora da zona de classificação. O time tem 14 pontos e ocupa a terceira colocação do Grupo B, atrás de Palmeiras, com 17 pontos, e Santo André, com 19. Nos oito jogos até agora, o Novorizontino sofreu três gols e tem a melhor defesa do campeonato ao lado do Palmeiras.

Tiago Nunes elogiou o rival deste sábado, mas mostrou confiança na vitória corintiana. "Espero muita marcação por parte deles e nossa, com poucos espaços. Eles sofreram poucos gols, marcam bem e têm contra-ataque rápido. Tem jogador de referência que faz bem o pivô, sabe ganhar as bolas. Vem mobilizado, motivado, não perderam ainda, tem esse fator local que os ajuda. Mas estamos com nível de confiança alto, podemos ir lá e vencer. Temos certeza de que vamos encontrar um grande adversário e espero que a gente possa vencer", disse o treinador.

FICHA TÉCNICA

NOVORIZONTINO X CORINTHIANS

Novorizontino: Oliveira; Celsinho, Everton Sena, Bruno Aguiar e Paulinho; Vinicius Kiss e Adilson Goiano; Felipe Marques, Danielzinho e Cléo Silva; Jenison. Técnico: Roberto Fonseca. 

Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Pedro Henrique e Piton; Camacho e Cantillo; Everaldo (Mateus Vital), Luan e Janderson; Boselli. Técnico: Tiago Nunes. 

Juiz: Vinicius G. Dias Araujo. 

Local: Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte. 

Horário: 19h. 

Na TV: Pay-per-view.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.