Alex Silva/Estadão - 2/7/13
Alex Silva/Estadão - 2/7/13

Corinthians estreia na Copa do Brasil contra o Luverdense

Tite aposta em um time experiente e que tem uma forte defesa para conquistar o título que lhe falta

Vítor Marques, O Estado de S.Paulo

21 de agosto de 2013 | 07h30

SÃO PAULO - O Corinthians estreia nesta quarta-feira na Copa do Brasil, já nas oitavas de final, em Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso, contra o Luverdense, que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro. O jogo, às 21h50, será disputado num estádio acanhado, que dobrou sua capacidade de cinco para dez mil pessoas graças a arquibancadas móveis usadas em rodeios.

Esses contrastes entre as duas equipes fazem do time de Tite o franco favorito para avançar às quartas de final e enfrentar o vencedor de Grêmio x Santos. Para o Corinthians, o que está em jogo é a força de seu elenco, apontado como ‘talhado’ em torneios mata-matas, como mostraram as conquistas da Libertadores, do Mundial, da Recopa e do Paulistão.

Eis as apostas de Tite para vencer o torneio: seu time é recheado de veteranos e de jogadores que não se “escondem” em decisões, como o goleiro Cássio, o meia Danilo e o atacante Paolo Guerrero. Além disso, a defesa é um ponto forte. Não sofrer gols, principalmente em casa, é uma virtude em torneios como esse. Na vitoriosa campanha da Libertadores, em 2012, a equipe sofreu apenas quatro gols em 14 jogos. Neste Brasileiro, o time levou seis gols em 15 rodadas. É a melhor defesa da competição, embora a equipe faça campanha discreta apesar do 4.º lugar.

Para Tite, este também é um torneio especial. É o título que lhe falta como técnico do Corinthians. Ele venceu todos os outros que disputou nesta segunda passagem pelo clube, de 2010 para cá. A última vez que o Corinthians disputou a Copa do Brasil foi em 2009, quando foi campeão ainda sob o comando de Mano Menezes. Foi o início dessa fase vitoriosa, após a queda à Segunda Divisão.

Tite poupou alguns jogadores para esta partida. Três titulares não viajaram ao Mato Grosso. O zagueiro Paulo André, o lateral-esquerdo Fábio Santos e o meia Renato Augusto. Edenílson e Emerson Sheik começam no banco de reservas. Poupar alguns titulares é algo que se tornará natural por causa da sequência de jogos.

Por enquanto o discurso de Tite e da diretoria é um só: evitam priorizar uma das competições. Mas isso pode mudar com a sequência do torneio, caso o time não engrene de vez no Brasileirão. O objetivo é obter uma das vagas à Libertadores, seja por meio de qualquer torneio.

Contra o Luverdense, o time terá várias mudanças. Nas laterais, jogam Alessandro e Igor. Felipe forma dupla de zaga com Gil. E Romarinho entra na vaga de Renato Augusto. Como Emerson Sheik foi poupado, Alexandre Pato continua no time. A diferença é que, diferente da partida contra o Coritiba, ele fará dupla com o peruano Paolo Guerrero. O técnico do Luverdense, Júnior Rocha, promete um time forte na marcação, além de contar com o estádio lotado. Ele vai repetir a equipe que venceu o Santa Cruz por 3 a 1, domingo, pela Série C do Brasileiro.

FICHÁ TÉCNICA

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Gil, Felipe e Igor; Ralf, Ibson e Danilo; Romarinho, Guerrero e Alexandre Pato. Técnico: Tite

LUVERDENSE: Gabriel Leite; Raul Prata, Zé Roberto, Braga e Edinho; Júlio Terceiro, Washington, Gilson e Rafael Tavares; Misael e Tozin. Técnico: Júnior Rocha

JUIZ: Pablo dos Santos Alves (ES)

LOCAL: Passos das Emas, Rio Verde (MT)

HORÁRIO: 21h50

TV: Globo, Band, ESPN e SporTV2

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.