Corinthians foge da torcida na chegada

Um pequeno e raivoso grupo de torcedores corintianos esteve na tarde desta quinta-feira no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, para esperar a chegada da delegação do Corinthians, que voltou de Florianópolis depois da derrota para o Figueirense e da conseqüente eliminação na Copa do Brasil. Mas os jogadores e o técnico Passarella evitaram o contato com a torcida e os jornalistas, pegando um ônibus direto da pista.No saguão de desembarque do aeroporto, um grupo com cerca de 15 torcedores protestava contra a eliminação do time na Copa do Brasil e pedia a saída de Roger, Carlos Alberto e Sebá, todos comprados com o dinheiro da MSI. A direção da Gaviões da Fiel, reunida com a PM para discutir o esquema de segurança para o clássico de domingo, com o São Paulo, não mandou nenhum diretor a Congonhas.Mas a delegação corintiana pegou um ônibus ainda na pista do aeroporto e saiu do local sem ter qualquer contato com os torcedores ou os jornalistas.No meio de toda essa pressão, o técnico Passarella irá se reunir ainda nesta quinta-feira com o presidente da MSI, Kia Joorabchian, para discutir seu futuro no comando do Corinthians.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.