Arquivo/AE
Arquivo/AE

Corinthians ganha R$ 420 milhões em incentivos fiscais da Prefeitura de SP

O clube vai receber 'certificados de incentivo ao desenvolvimento' no valor de R$ 50 mil cada

Diego Zanchetta, O Estado de S. Paulo

10 de junho de 2011 | 18h26

SÃO PAULO - A Prefeitura de São Paulo vai conceder um pacote de R$ 420 milhões em incentivos fiscais para o Corinthians construir seu estádio em Itaquera, na zona leste de São Paulo. O clube vai receber "certificados de incentivo ao desenvolvimento" no valor de R$ 50 mil cada. É o que prevê projeto do prefeito Gilberto Kassab (sem partido) enviado hoje à Câmara Municipal e obtido pelo Estado.

Esses certificados vão servir para o clube abater de impostos como o ISS e o IPTU. Kassab autorizou a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico a abrir crédito adicional de R$ 50 milhões para a emissão dos certificados. O valor do abono fiscal concedido ao Corinthians é o maior da história da Prefeitura.

O projeto começa a tramitar no Legislativo a partir de terça-feira, quando será lido em plenário. Como o prefeito conta com o apoio de 32 dos 55 vereadores, a proposta deve ser aprovada sem dificuldades até o final deste mês. O projeto precisa passar por duas votações com apoio mínimo de 28 parlamentares.

O clube alvinegro não vai precisar pagar tributo algum na hora de adquirir terrenos vizinhos ao futuro estádio, por exemplo, segundo a proposta. A compra de equipamentos que serão usados na obra também não terão os 5% incididos sobre o valor total do produto.

Veja também:

linkRecursos do BNDES para hotelaria na Copa podem dobrar a R$ 2 bilhões

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansfutebolCopa 2014estádio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.