Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Corinthians já se mexe para segurar Tite

Presidente Mário Gobbi está preparando uma proposta de renovação para que técnico fique no clube até o fim de 2014

VÍTOR MARQUES, O Estado de S. Paulo

26 de julho de 2013 | 08h00

SÃO PAULO - Se depender da vontade do presidente Mário Gobbi, Tite continuará no Corinthians por mais uma temporada, até o fim de 2014, ainda que existam sondagens de equipes de fora do País, como houve a da Inter de Milão.

Gobbi vai se reunir com Tite para conversar e encaminhar uma proposta de renovação de contrato ao treinador – o vínculo atual termina em dezembro.

"O Tite sabe que queremos que ele fique até o fim da gestão. É certo que será chamado para renovar contrato. Queremos ele e não abrimos mão dele", afirmou Gobbi ao Estado.

Nesta semana, pela primeira vez, o treinador admitiu que recebeu uma sondagem da Inter de Milão, da Itália. Isso aconteceu durante a disputa da Libertadores.

"Existiu uma busca por meio de uma pessoa da comissão técnica para nós nos reunirmos, sentarmos e ver a possibilidade de ir para lá. Disse que não conversava porque estávamos em meio à Libertadores. Me sinto muito bem comigo mesmo com essa escolha", disse o técnico em entrevista ao programa Cartão Verde, da TV Cultura.

Para Gobbi, essa conversa com Tite vai acontecer em breve. "Se chamarmos agora para falar sobre isso, ele vai dizer que quer colocar primeiro o time no G-4."

Tite já atingiu 238 jogos no comando do Corinthians e conquistou cinco títulos, todos nessa fase vitoriosa do clube, como a Libertadores e o Mundial de 2012. "Foi um casamento que deu certo, as coisas funcionaram, não tem por que mudar", entende o presidente corintiano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.