Divulgação
Divulgação

Corinthians jogará em estádio que tem até piscina no camarote

EverBank Field oferece aos torcedores inúmeros bares, restaurantes cinco estrelas, espaço para casamentos e até tirolesa

RAPHAEL RAMOS, ENVIADO ESPECIAL A JACKSONVILLE, O Estado de S. Paulo

16 de janeiro de 2015 | 19h29

Após jogar dentro de um complexo hoteleiro, em um acanhado campo com poucas arquibancadas e muita improvisação, o Corinthians vai encontrar neste sábado um estádio digno de figurar entre os mais luxuosos - e exóticos - do mundo. O EverBank Field, casa do time de futebol americano Jacksonville Jaguars, vai ser palco dos últimos dois jogos do Florida Cup, torneio amistoso que acontece na Flórida, sul dos Estados Unidos. Chamá-lo simplesmente de "estádio" é até injusto - a arena oferece aos seus torcedores inúmeros bares, restaurantes cinco estrelas, espaço para casamentos, tirolesa, o maior telão de LED do mundo e até camarotes-piscina, onde é possível fazer uma "pool party" durante a partida.

Construído em 1995 na cidade de Jacksonville, a cerca de duas horas e meia de Orlando, o Everbank Field passou por uma grande plástica após o bilionário paquistanês Shahid Khan comprar o time do Jaguars, o menos popular da liga de futebol americano NFL - segundo pesquisa da ESPN, apenas 0,4% dos torcedores em todo o país torciam para a franquia. Khan, que chegou na América aos 16 anos com 500 dólares no bolso e começou sua carreira lavando pratos, conseguiu convencer os moradores da cidade a pagar dois terços de uma reforma de 63 milhões de dólares, a fim de atrair mais fãs e ajudar a lotar os quase 70 mil assentos disponíveis.

No ano passado, a reforma ficou pronta, e agora o Everbank parece mais um hotel do que um estádio. Quem não quiser um simples lugar na arquibancada, por exemplo, pode alugar um dos 88 camarotes da arena, que contam com serviço de bar e restaurante. Quer mais exclusividade? Então é possível ver as partidas de um camarote-piscina - bastando para isso pagar cerca de 12,5 mil dólares por 55 ingressos para o espaço. O estádio ainda se orgulha de contar com os maiores telões de HD LED do mundo, dois monstros com 18 metros de altura por 110 metros de largura cada, o que oferece uma área visível com cerca de 6.600 metros quadrados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.