Corinthians: jogo com Vasco vale vaga

O jogo contra o Vasco, neste sábado, às 18 horas, no Pacaembu, é uma decisão para o Corinthians. Se vencer, chegará aos 68 pontos e estará, duas rodadas antes do final do Brasileiro, classificado para a Copa Sul-Americana de 2005. Só depois disso a diretoria vai analisar uma reivindicação dos jogadores e antecipar as férias. O técnico Tite, porém, já disse que é contra."Férias o caramba! Ralei o ano todo e agora vou me ferrar? Se dependesse de mim, não teria liberado ninguém até agora. Quero o elenco completo para terminar o campeonato com vitórias", avisou o técnico.Tite teme que a equipe ?perca o foco? para o jogo deste sábado. Ele não abre mão dos três pontos e, por isso mesmo, não vai aceitar que os jogadores entrem em campo pensando mais nas férias do que numa vitória sobre o Vasco."Esse é um jogo fundamental para nós, que perseguimos a classificação para a Copa Sul-Americana", revelou o técnico. Em seguida, lembrou que o Vasco tem um bom time, uma camisa forte e grandes jogadores, como o meia Petkovic."Temos de tomar muitos cuidados com o Vasco. A bola parada deles é um exemplo, assim como a articulação do Petkovic e o avanço dos dois alas", explicou Tite.O técnico encara o jogo com tanta responsabilidade que fez questão até de esconder a escalação da equipe. Levou para a concentração a dúvida entre o atacante Alessandro e o zagueiro Bebeto, o que mudaria a estrutura do time. ?Vou pensar bem nisso até amanhã", disse o técnico.Apesar do mistério, Gil deve atuar como meia. Com Jô e Alessandro no ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.