Paulo Pinto/AE
Paulo Pinto/AE

Corinthians não terá três titulares contra Cruzeiro

William, Douglas e Dentinho estão fora da partida de domingo no Mineirão pelo Campeonato Brasileiro

Agência Estado,

17 de julho de 2009 | 20h21

O Corinthians terá o desfalque de três titulares no jogo de domingo, contra o Cruzeiro, no Mineirão, pela 12.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O zagueiro e capitão William segue fora do time, ainda tratando da contusão no pé direito. Enquanto isso, o meia Douglas e o atacante Dentinho irão cumprir suspensão.

Veja também:

linkLesão e casamento não tiram Kléber de jogo do Cruzeiro

linkAdilson espera parecer de médicos para escalar Cruzeiro

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Na zaga, permanece Diego, formando dupla com Chicão. Outro que deve entrar no time é o meia Morais, provavelmente na vaga de Dentinho. Assim, restaria definir o substituto de Douglas, com maior chance para o volante Jucilei, o que liberaria Elias para apoiar o ataque.

"Essas mudanças vão acontecer com bastante frequência agora, pois em um campeonato longo como o Brasileiro as lesões e suspensões são frequentes. Não podemos nos preocupar", disse o técnico Mano Menezes, tentando tranquilizar a torcida diante de tantos desfalques.

RÉUS

Cristian e Douglas serão julgados na segunda-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Eles foram denunciados pela procuradoria após análise de vídeo da final da Copa do Brasil, contra o Internacional, no dia 1.° de julho, no Estádio Beira-Rio.

O volante Cristian é acusado de ter tentado ganhar tempo ao simular uma lesão. Além disso, invadiu o campo depois de ser substituído para participar de confusão entre os jogadores dos dois times. Por conta disso, ele pode pegar 720 dias de suspensão.

Já o meia Douglas foi visto na imagem mandando Cristian ficar no chão. Por conta disso, ele foi denunciado por atitude antidesportiva e pode ficar dez jogos fora do time se for condenado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.