Daniel Teixeira/Estadão - 14/01/2013
Daniel Teixeira/Estadão - 14/01/2013

Corinthians pede para seleção peruana liberar Guerrero de convocação

Clube quer segurar atacante de partidas por equipe que já não tem mais chance nas Eliminatórias

VITOR MARQUES, Agência Estado

26 de setembro de 2013 | 17h57

SÃO PAULO - O Corinthians solicitou à Federação Peruana de Futebol a liberação do atacante Paolo Guerrero, convocado para disputar os dois últimos jogos das Eliminatórias para a Copa de 2014 - a seleção do Peru já está eliminada e não tem mais chances de ir ao Mundial no Brasil.

Se a convocação for mantida, Guerrero desfalcaria o Corinthians em três rodadas do Brasileirão, contra Atlético-PR, São Paulo e Grêmio. Isso porque ele foi chamado para disputar as partidas pela seleção peruana contra a Argentina, em 11 de outubro, e a Bolívia, quatro dias depois.

Dono do segundo pior ataque do Brasileirão, com 20 gols, e com apenas um gol marcado nos últimos sete jogos, o Corinthians espera contar com Guerrero para não piorar ainda mais a sua produção ofensiva nas três rodadas do Brasileirão em que ele tem que estar servindo a seleção.

Já Alexandre Pato vai defender a seleção brasileira nos amistosos contra Coreia do Sul e Zâmbia, respectivamente nos dias 12 e 15 de outubro. Neste caso, porém, o Corinthians não solicitou dispensa à CBF, o que fará ele desfalcar o time nessas três rodadas do Brasileirão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansGuerrero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.