Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Corinthians pega o Juventus com obrigação de vencer

A principal missão do Corinthians no começo do Campeonato Paulista é arrumar o time para os clássicos - o primeiro deles contra o São Paulo, na oitava rodada, dia 11 de fevereiro - e os confrontos decisivos. Por isso, vencer os enfraquecidos times pequenos virou obrigação. E será assim nesta quarta-feira contra o Juventus, às 21h45, no Pacaembu.A principal preocupação dos jogadores e do técnico Leão é a fragilidade do esquema defensivo, ainda que o Corinthians já some 11 partidas sem derrotas desde o ano passado. ?No ano passado nós ganhávamos as partidas por 1 a 0 e estava ótimo. Agora estamos mais confiantes e não nos contentamos em vencer. Quando marcamos um gol, queremos fazer outros. E com isso estamos abrindo a nossa defesa. Isso tem de acabar?, avisa Magrão.Leão concorda. Tanto que, diante da falta de laterais, e do tornozelo inchado de Edson - lateral-direito que atuava improvisado na esquerda -, fará mudança significativa na estrutura do time, que passará a ter três jogadores com potencial de marcação no meio-de-campo. Rosinei tomará o lugar de Elton. Nas alas, haverá as improvisações de Bruno Octávio na direita e Fabrício na esquerda.?Nos times que treinei não me lembro de ter ficado sem laterais como está acontecendo. Mas em compensação não tive jogador abandonando o clube?, disse Leão, se referindo a Gustavo Nery. Além do abandono do jogador, o técnico está sem Fágner, na seleção sub-20, Eduardo Ratinho, com estiramento na coxa esquerda, e César, que pediu para voltar à Itália após alegar problemas pessoais.Em duas partidas o time marcou sete gols. Mas em compensação tomou três. Marinho, que voltou das férias acima do peso, está ameaçado de perder a posição para Gustavo, zagueiro do São Caetano que cabeceia muito bem. Amoroso, com tendinite no pé esquerdo, e Nilmar, fora de forma, também não jogarão. Jailson e Christian continuarão no ataque.Em busca da reabilitaçãoAssim como fez inúmeras vezes no passado, o Juventus vai tentar surpreender o Corinthians para esquecer a derrota para o Bragantino na rodada passada. Apesar de o Juventus ser o mandante, a partida está marcada para o Pacaembu, local onde o rival realiza seus jogos.?Será como se jogássemos fora de casa. Isto tem pontos negativos e positivos. O diferencial para gente será a parte psicológica. É um jogo bom para eles (jogadores) mostrarem o seu valor, mas sempre frisando que o coletivo é mais importante que o individual. Quem não quer jogar com casa cheia, contra um time como o Corinthians??, explicou o técnico.O meia Roger, destaque corintiano nas duas primeiras rodadas, não vai sofrer marcação individual do Juventus. ?O time inteiro deles é bom. Temos que iniciar a marcação no campo deles e matar o começo da jogada?, afirmou Edu Marangon, que vai repetir a escalação da derrota em Bragança Paulista.Ficha técnica:Juventus x CorinthiansJuventus - Deola; Tiago, Max Sandro, Valdir e Ivan; Léo Mineiro, Almir, Naves e Renatinho; Nunes e João Paulo. Técnico: Edu Marangon.Corinthians - Marcelo; Bruno Octávio, Betão, Marinho e Fabrício; Marcelo Mattos, Magrão, Rosinei e Roger; Jailson e Christian. Técnico: Emerson Leão.Árbitro - Alex Sander da Rosa Lefeu. Local - Estádio do Pacaembu, em São Paulo. Horário - 21h45

Agencia Estado,

24 de janeiro de 2007 | 07h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.