Corinthians perde mas se classifica

Mesmo perdendo por 2 a 1 para o São Paulo, nesta quarta-feira, no Morumbi, o Corinthians garantiu a classificação para a final da Copa do Brasil. Como havia vencido o primeiro jogo por 2 a 0, a equipe corintiana soube administrar a vantagem e irá enfrentar o Brasiliense, que eliminou o Atlético-MG, na decisão do título. No clássico paulista, Reinaldo abriu o placar, Deivid empatou e Kaká fez o segundo gol são-paulino.No fim do jogo houve um tumulto envolvendo os jogadores do São Paulo e o árbitro pernambucano Wilson de Souza Mendonça, que havia anunciado três minutos de acréscimo e encerrou a partida um pouco antes do previsto. A PM teve de agir com rigor para evitar que a confusão tivesse maiores conseqüências.O jogo começou como se imaginava: o São Paulo pressionando, disposto a tirar logo a vantagem do adversário, enquanto o Corinthians tentava conter o ímpeto do adversário. A equipe do Parque São Jorge, porém, teve dificuldade para acertar o esquema. O lateral-esquerdo Édson, que substituiu o suspenso Kléber, era o principal alvo do ataque são-paulino.Mas faltou ao São Paulo um jogador finalizador no ataque. Kaká, embora estivesse jogando bem, era obrigado a sair da área, justamente para tirar Anderson e Fabrício do setor.Boas jogadas de ataque surgiram de cada lado, com mais presença do São Paulo, que logo aos 4 minutos assustou Dida. Após uma cobrança de falta, Belletti foi lançado na área e dividiu a bola com o goleiro do Corinthians, que levou a melhor no lance.A melhor oportunidade corintiana no primeiro tempo aconteceu aos 42 minutos, com o atacante Deivid. Após ser lançado por Ricardinho, ele ganhou a disputa com Rogério Ceni, mas tocou a bola com muita força, dando condição para Jean chegar primeiro e evitar o gol.No fim do primeiro tempo, o meia Ricardinho admitiu que havia falha no esquema de jogo corintiano, principalmente no lado direito do ataque do adversário. "O Gil tem que voltar um pouco para ajudar na marcação. Temos de ser menos burocráticos, e jogar um mais perto do outro", disse o capitão da equipe.O segundo tempo foi eletrizante. Aos 2 minutos, o São Paulo fez 1 a 0 com o atacante Reinaldo, após cobrança de escanteio. Mas o Corinthians respondeu aos 15, quando Deivid empatou a partida, após vacilo da defesa adversária.O jogo continuou emocionante: aos 19, Kaká desempatou e deu nova esperança para o time do Morumbi. Mas o Corinthians soube segurar a classificação até o fim do jogo. E ainda teve um gol legítimo, de Leandro, anulado (o assistente do árbitro marcou impedimento) aos 28 minutos.Para o São Paulo, um consolo: há um ano o time não vencia um clássico. No domingo, os dois times voltam a se enfrentar no primeiro jogo da final do Torneio Rio-São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.