Corinthians pode fazer excursão no Irã

O Corinthians pode fazer uma viagem internacional entre os dias 2 e 9 de junho, em uma ?janela? no calendário do Campeonato Brasileiro para a seleção, que no período jogará pelas Eliminatórias da Copa - contra a Argentina, dia 2, e Chile, dia 6. O destino é o Irã, no Oriente Médio.O vice-presidente Antônio Roque Citadini confirmou que o clube está estudando o convite para disputar dois amistosos naquele país. Coincidentemente, uma equipe da TV iraniana IRIB esteve nesta sexta-feira mais uma vez no Parque São Jorge, filmando para um documentário sobre o futebol brasileiro. Entrevistou o próprio Citadini e o técnico Oswaldo de Oliveira.Oswaldo respondeu atenciosamente às perguntas da repórter iraniana, mas depois, durante a entrevista coletiva com jornalistas brasileiros, não aprovou a idéia da viagem ao Irã. "É uma possibilidade. Sei que o time precisa faturar. Se ficar determinado, jogaremos, mas eu preferia não viajar, para nos dedicarmos apenas à competição", afirmou o treinador.O atacante Marcelo Ramos foi mais direto: "Se a diretoria perguntasse, acho que os jogadores teriam medo e não gostariam de ir. Sei que haverá segurança, mas lá tem homem-bomba em todo o lugar", disse, sorrindo. Enquanto isso, os jogadores procuravam mostrar que haviam esquecido a desclassificação na Copa do Brasil, quarta-feira. Segundo elee, apesar da derrota, o time apresentou uma melhora. "Acho que foi nossa melhor partida na parte técnica e tática. Estamos evoluindo", disse Fabinho.O discurso de Oswaldo foi na mesma linha: "Nosso time está se conhecendo e apresentando um bom futebol. Não basta jogar bem. Precisamos que o time comece a fazer gols e ganhe os jogos."Nesta sexta-feira, o treinador comandou um breve treino coletivo e depois fez treinos específicos de fundamentos. Foram mais de 2h30 de treinamentos, um recorde para os jogadores, que saíram mostrando cansaço. Oswaldo nem se importou: "Foi um treino normal para melhorar finalização e a chegada mais rápida ao ataque."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.