Ayrton Vignola/AE
Ayrton Vignola/AE

Corinthians resolve poupar Ronaldo no jogo de quarta contra o Bragantino

Comissão técnica corintiana acredita que não é hora de forçar o ritmo do atacante de 34 anos

AE, Agência Estado

17 de janeiro de 2011 | 20h02

SÃO PAULO - Por precaução, a comissão técnica do Corinthians decidiu nesta segunda-feira poupar o atacante Ronaldo no jogo de quarta, contra o Bragantino, em Bragança Paulista, pela segunda rodada do Paulistão. A ideia evitar uma sobrecarga física e até mesmo uma contusão do principal jogador do time antes da disputa da fase preliminar da Libertadores.

Ronaldo não está com nenhuma lesão, mas a comissão técnica corintiana acredita que não é hora de forçar o ritmo do atacante de 34 anos, que sofreu muito com problemas físicos na temporada passada. Mesmo porque, o Corinthians tem uma decisão na quarta-feira da semana que vem, quando recebe o colombiano Tolima, no Pacaembu, pela Libertadores.

Na abertura da temporada, Ronaldo teve uma participação discreta na vitória corintiana sobre a Portuguesa, por 2 a 0, domingo, no Pacaembu, pelo Paulistão. Foi substituído aos 29 minutos do segundo tempo e deixou o campo admitindo o cansaço, mas prometeu que ele e o time do Corinthians estarão "voando" em 10 dias, justamente contra o Tolima.

Sem Ronaldo, a tendência é que Jorge Henrique seja o companheiro de ataque de Dentinho no jogo de quarta-feira, mas ele ainda precisa provar que está completamente recuperado das dores no pé esquerdo que o tiraram da estreia no Paulistão. Caso não possa jogar, Edno deve ser o escolhido para ser o atacante titular do Corinthians diante do Bragantino.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansRonaldo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.