Corinthians ressarcirá quem comprou bilhete de clássico

A diretoria do Corinthians protestou na CBF (Confederação Brasileira de Futebol) contra a mudança da data e do horário do clássico contra o Santos pela 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro e, como não foi atendida, anunciou nesta quinta-feira que vai ressarcir os torcedores que já compraram ingresso e não poderão ir ao Pacaembu no sábado, dia 24, às 19h30. A partida estava inicialmente marcada para domingo, dia 25, às 17 horas. Já foram vendidas 22 mil entradas.

RAPHAEL RAMOS, Agência Estado

15 de novembro de 2012 | 17h25

Para receber de volta o valor pago pelo ingresso, o torcedor vai precisar informar ao clube os dados de sua conta bancária ou manifestar interesse de utilizar o crédito correspondente em uma compra futura.

A CBF anunciou na última quarta a mudança do dia e do horário do jogo sob a justificativa de que a partida não envolve disputa por vaga na Copa Libertadores ou rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Pelo mesmo motivo também foi alterado para sábado, dia 24, às 19h30, o clássico carioca entre Vasco e Flamengo. Os demais oito jogos da rodada serão disputados no dia 25.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCorinthiansCBF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.