JF Diorio/Estadão
JF Diorio/Estadão

Corinthians só perdeu por dois gols de diferença uma vez no ano

Ceará precisa desse saldo para levar o duelo desta quarta-feira contra o time de Carille para os pênaltis

João Prata, O Estado de S.Paulo

03 de abril de 2019 | 11h30

O Corinthians pode perder por até um gol de diferença para o Ceará nesta quarta-feira, às 21h30, em Itaquera, que avança para a quarta fase da Copa do Brasil. Se perder por dois, a decisão vai para os pênaltis.

Na atual temporada, o time paulista só foi superado em uma única oportunidade por mais de um gol: em 30 de janeiro, pela quarta rodada do Campeonato Paulista, foi derrotado por 2 a 0 para o Rede Bull em casa.

Na ocasião, o time entrou em campo com uma formação bastante diferente da que começará no duelo desta quarta-feira contra o Ceará. Somente cinco jogadores seguem entre os titulares: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Ralf.

O zagueiro Léo Santos, hoje emprestado ao Fluminense, jogou improvisado na lateral esquerda. Thiaguinho Ramiro e Jadson completaram o meio-campo e Mauro Boselli fez a função de centroavante. 

Depois disso, o Corinthians só perdeu mais uma vez, para o Novorizontino, por 1 a 0. De lá para cá são 13 jogos de invencibilidade e apenas em duas oportunidades a defesa foi vazada por duas vezes, ambos pela Copa do Brasil: 2 a 2 contra o Ferroviário e vitória por 4 a 2 sobre o Avenida-RS. 

No treino de terça-feira, apesar de o time vir de uma maratona de jogos, o clima era de tranquilidade entre os jogadores. Carille comandou um trabalho leve com o time titular. O treinador separou os 11 jogadores dos demais e realizou um atividade tática, de posicionamento.   

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.