Corinthians: sob a sombra de "Dick"

"Olha, cuidado que o Dick Law não gosta disso... Ouvi falar que é o Dick quem está por trás desta briga... Dizem que o Dick está irritado... Será que o Dick sabe?... Olha que o Dick está querendo ir embora..." Frases como estas são sussurradas diariamente no Parque São Jorge. É tão difícil o acesso ao presidente no Brasil do fundo de investimento Hicks, Muse, Tate & Furst, que Dick Law é visto quase como uma figura mitológica no Corinthians. Os US$ 34 bilhões que a Hicks administra no mundo aumentam a mística. O JT conseguiu quebrar essa barreira e ocupou por 120 minutos a lotada agenda do texano de 48 anos, John Richard Law.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.