Corinthians sonha com Cristian, mas empresário nega

A busca por reforços no Corinthians não parou nem no réveillon. O presidente Andrés Sanchez aproveitou um encontro casual com o volante Cristian para costurar um acordo para ele voltar ao Parque São Jorge. A conversa aconteceu em Florianópolis. Andrés virou o ano com sua família em Santa Catarina, enquanto que o jogador fazia o mesmo na casa do lateral-esquerdo André Santos, seu companheiro no Fenerbahce.

MARCIUS AZEVEDO, Agência Estado

02 de janeiro de 2011 | 21h14

Segundo o que Lucas, filho do presidente do corintiano, publicou em seu Twitter, o pai acertou com Cristian o salário para ele defender novamente o Corinthians e o jogador viaja nesta segunda-feira para pedir aos turcos a sua liberação.

O empresário do volante, Carlos Leite, no entanto, tratou de jogar um balde de água fria na história. Segundo ele, não há qualquer possibilidade de Fenerbahce liberá-lo ao Corinthians. "Vou ser bem objetivo: o Cristian não vai sair do Fenerbahce", disse o Carlos Leite, revelando que chegou a enviar um emissário à Turquia para negociar a liberação em dezembro, mas sem sucesso.

À época, o próprio jogador, depois de participar de uma pelada de final de ano em Jundiaí, disse que gostaria de voltar, mas que, neste momento, o Fenerbahce não queria liberá-lo porque ele havia virado titular. "Eles não querem se desfazer de mim", disse há dez dias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.