Corinthians tenta montar supertime

O supertime do Corinthians continua em construção. Kia Joorabchian, o homem forte da MSI, e Alberto Dualib, presidente do clube, se encontram amanhã em Londres com diretores do CSKA para tratar da contratação de Vágner Love. Com o goleiro Helton eles já fecharam negócio, assim como com o volante Javier Mascherano. Com Liedson, o acordo está próximo. E com o lateral Rogério, foi feita uma sondagem ao jogador num bate-papo informal. Se tudo der certo, o "supertime" estaria pronto até o fim de julho, e poderia ter a seguinte formação: Helton, Rogério, Betão, Sebá (Anderson já acertou com o Benfica) e Gustavo Nery; Mascherano, Carlos Alberto (ou Marcelo Mattos) e Roger; Tevez, Vágner Love e Liedson. O sonho existe, mas para colocá-lo em prática, Kia está encontrando dificuldades. A maior é com relação a Vágner Love. Os dirigentes do CSKA acreditam que o atacante se valorizou muito após a recente conquista da Copa da Uefa, e acham que podem receber mais do que os US$ 12 milhões oferecidos por Kia pelo jogador. O mercado de transferências da Europa deve começar a pegar fogo em um mês e o Porto, de Portugal, já demonstrou interesse em Love. Kia vai tentar argumentar com os russos que o próprio atacante já pediu para voltar ao Brasil. Love quer ficar mais próximo do filho, que também se chama Vágner e nasceu no fim do ano passado. A contratação de Liedson, que Dualib havia dado como certa a alguns dirigentes que ficaram no Brasil, ainda não foi fechada. O atacante do Sporting disse que sabe do interesse do Corinthians, mas afirmou que não assinou nada com o clube. "E agora não estou pensando nisso. Só quero tirar minhas férias e descansar um pouco, após uma temporada cansativa por causa do alto número de partidas", disse Liedson à rádio TSF, de Portugal. O atacante, artilheiro do Campeonato Português (25 gols) e da Copa da Uefa (nove), disse estar surpreso com o interesse do Corinthians e lembrou que ainda tem um ano de contrato. "Sei que os dirigentes do Corinthians estão aqui (em Portugal) pelos jornais. Meu empresário também conversou comigo, mas não tem nada acertado e tenho contrato até 2006". Outro jogador do Sporting que pode voltar ao Corinthians é o lateral-direito e volante Rogério. Ele deixou o Timão no meio do ano passado, processando o clube na Justiça. Pleiteava mais de R$ 1 milhão em salários e prêmios atrasados, mas fez acordo e recebeu R$ 530 mil (parcelados) antes de ir para o Sporting. Apesar do litígio na Justiça, Dualib gosta de Rogério, e o teria indicado a Kia - é público e notório que o Corinthians precisa de um lateral-direito experiente. Andrés Sanchez, vice-presidente do Timão, admitiu que Dualib tenha conversado com Rogério em Portugal, mas disse não haver chance de o jogador ser contratado. Com o goleiro Helton, porém, está tudo certo. O contrato não foi assinado porque a forma de pagamento ainda não foi acertada, mas tanto o Corinthians como o empresário do jogador dizem que isso não será problema para que o negócio seja fechado. Helton chega amanhã ao Brasil e terá alguns dias de folga antes de se apresentar. Por fim, Mascherano chega ao Parque São Jorge assim que o River Plate cair na Libertadores. Até lá, Kia acredita que o Timão já estará pronto para decolar no Brasileirão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.