Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Corinthians terá recorde de público contra o San Lorenzo

Torcida mandante esgota os 39.500 ingressos colocados à venda

O Estado de S. Paulo

15 de abril de 2015 | 21h38

O Corinthians vendeu todos os 39.500 ingressos disponíveis para partida contra o San Lorenzo, nesta quinta-feira, pela Copa Libertadores, e terá novo recorde de público no Itaquerão. A marca anterior, de 38.487 pagantes, foi alcançada no clássico com o São Paulo, na primeira partida da fase de grupos da competição.

A carga destinada à torcida visitante, de quase dois mil ingressos, será negociada na bilheteria do estádio nesta quinta. Assim, o público pagante pode ser de aproximadamente 41 mil pessoas. Ainda invicto em jogos oficiais da temporada em casa e precisando de apenas um empate para passar de fase, o Corinthians terá força máxima contra os argentinos por decisão de Tite, que não quis poupar ninguém pensando no Paulistão.

Os únicos titulares que não estarão em campo são Guerrero (com dengue) e Fábio Santos (recuperando-se de cirurgia). Com a decisão, o treinador deixa o confronto com o Palmeiras, pela semifinal do Paulistão, em segundo plano.

Outra atração para a torcida corintiana em sua casa será a inauguração do maior telão em estádio de futebol do mundo. O equipamento de led, com altíssima definição, mede 7,5 metros de altura por 30 metros de comprimento.

MAIORES PÚBLICOS DO ITAQUERÃO

Corinthians 2 x 0 São Paulo - Copa Libertadores 2015 (38.487 pagantes)

Corinthians 2 x 1 Criciúma - Campeonato Brasileiro 2014 (38.044 pagantes)

Corinthians 1 x 1 Botafogo - Campeonato Brasileiro 2014 (37.119 pagantes)

Corinthians 0 x 1 Figueirense - Campeonato Brasileiro 2014 (36.694 pagantes)

Corinthians 1 x 0 Grêmio - Campeonato Brasileiro 2014 (36.307 pagantes)

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolCorinthiansCopa Libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.