Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Corinthians trabalha para adquirir Herrera e Morais

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, já revelou que pretende contratar em definitivo para a próxima temporada Herrera e Morais, dois dos principais jogadores do atual elenco, que estão emprestados. O problema é que eles custam caro, ainda mais para um clube com dívida assumida de R$ 93 milhões. Cada um deles tem seus direitos econômicos fixados em US$ 3 milhões (aproximadamente R$ 5,6 milhões). Para ficar com os dois jogadores, o departamento de futebol do Corinthians espera negociar os valores com os clubes. No caso de Herrera, a diretoria já avisou ao Gimnasia La Plata, que tem o argentino vinculado por contrato, que não pagará os US$ 3 milhões. E os corintianos também tentam arrumar parceiros que ajudem a bancar os negócios.Dos 28 jogadores contratados pelo Corinthians nesta temporada, dez foram adquiridos com auxílio externo. Seja comprando parte dos direitos federativos, caso do empresário Juan Figer com o atacante Acosta, seja emprestando dinheiro ao clube, como fez o empresário Carlos Leite, que ajudou a contratar Wellington Saci e Eduardo Ramos.Andrés Sanchez busca parceiros para tentar as contratações. O alvo são empresas que se especializaram em adquirir parte dos direitos federativos de jogadores como o Grupo Sonda, que já tem participação em três atletas do clube - Dentinho, André Santos e Renato. Outras opções são a Traffic, que tem parte dos direitos de Elias e a Energy Sports, com participação nos direitos de Diogo.

MARCEL RIZZO, Agencia Estado

18 de setembro de 2008 | 11h05

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansHerreraMorais

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.