Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Corinthians usa partida com o Red Bull como ensaio para o clássico

Carille escala a zaga com Manoel e Henrique e deve testar Mauro Boselli no ataque pensando no Palmeiras

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2019 | 04h30

O técnico Fabio Carille vai usar a partida desta quarta-feira diante do Red Bull como um ensaio para o clássico de sábado, com o Palmeiras. Isso ficou evidente na definição da escalação. No ataque, o treinador fez a opção pelo argentino Mauro Boselli – Gustagol deve ficar no banco. Na defesa, o zagueiro Manoel vai estrear para formar a “dupla ideal” ao lado de Henrique. 

Com Manoel, a defesa ficará mais experiente. Para a comissão técnica, os dois estilos se completam. O ex-cruzeirense garante vigor, imposição física e explosão; Henrique tem posicionamento e costuma tirar os espaços dos atacantes com eficiência. Com essa dupla, Carille espera corrigir a sua primeira dor de cabeça de 2019 – os gols sofridos em bolas paradas. Já foram dois neste ano, falhas graves para um especialista em esquemas defensivos como Carille. 

Embora Gustagol viva grande momento, com três gols em quatro jogos, Boselli deverá ser titular, o que indica um rodízio no ataque neste início de temporada. O argentino entrou bem na vitória sobre a Ponte e agora vai ser observado desde o início. O ex-jogador do Fortaleza reconhece que corre por fora na disputa por uma vaga e também comentou a chegada de Vagner Love, que fez ontem seu primeiro treino e deverá ser uma opção para os lados do campo – sua estreia ainda não está definida.

“A experiência de Love e Boselli no futebol é grande. Espero aprender com eles”, disse Gustavo, que revelou a surpresa de Carille com sua evolução após passagem pelo Fortaleza

“Depois da minha estreia e do meu rendimento, Carille ficou surpreso com minha evolução. Ele me elogiou e perguntou quem me ajudou. Falei que foram Rogério Ceni e Hélio dos Anjos. Ele pediu o telefone deles para agradecer os dois”. 

FICHA TÉCNICA

Corinthians: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Léo Santos; Ralf, Thiaguinho, Ramiro, Jadson e Mateus Vital; Boselli.

Técnico: Fábio Carille.

Red Bull: Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Anderson Marques e Rafael Carioca; Jobson, João Denoni e Everton; Ytalo, Claudinho e Roberson. 

Técnico: Antonio Carlos Zago. 

Juiz: Vinícius Furlan.

Local: Arena Corinthians.

Horário: 19h15.

Na TV: PPV

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.