Corinthians vai atrás de França

Kia Joorabchian não faz nada por acaso. Na véspera de um encontro que pode definir a contratação de Vágner Love, o empresário da MSI deixou vazar a informação de que o Corinthians tem um ?Plano B?, ou seja: outro atacante caso o CSKA encerre a novela e não aceite mesmo os US$ 15 milhões - mais Bobô. Ele deseja França, atualmente no Bayer Leverkusen, da Alemanha."Fizemos uma reunião na última sexta-feira e o Kia me perguntou sobre o França. A MSI fez a melhor proposta que o França tem. Eu ainda acho que o caminho dele deveria ser a Europa, mas vou definir a situação até o final da semana", avisou o empresário Wagner Ribeiro, que também cuida dos interesses de Robinho."Temos uma alternativa para o caso de a MSI não contratar o Love. Conversei muito com o Kia e chegamos a um nome. Não vou divulgar qual é o atleta escolhido. Isso é com a diretoria. Mas já escolhemos outro", afirmou o técnico Márcio Bittencourt.A coincidência de Wagner Ribeiro e Márcio Bittencourt falarem sobre outro atacante pode ser vista como forma de pressão sobre a diretoria do CSKA, que está criando dificuldades para liberar Vagner Love. O desempenho de França na Alemanha foi fraco, mas não apagou o sucesso que teve no São Paulo. O grande problema está no alto salário que recebe e do qual não quer abrir mão. Além disso, Wagner Ribeiro prefere que ele fique na Europa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.