Corinthians vai mesmo no 4-4-2 contra o líder Guaratinguetá

Técnico do Corinthians volta a utilizar formação mais ofensiva em treino para o jogo deste domingo

Marcel Rizzo, Jornal da Tarde

08 de março de 2008 | 11h47

Se depender do treino da manhã deste sábado, Mano Menezes vai realmente deixar de lado o esquema 3-5-2 pelo 4-4-2 contra o Guaratinguetá, líder do Paulistão, neste domingo, às 16 horas, no Morumbi.  "O grande problema é a falta de ritmo. Em sete meses que estou aqui joguei 14, 15 partidas, e isso atrapalha bastante. O professor ainda não me confirmou, mas espero estar em campo. Ele pediu para valorizar a posse de bola, o que vai ser importante", explicou o meia Héverton, jogador que ganhou a confiança do treinador corintiano para o lugar de Lulinha, em má fase e barrado por Mano. Enquanto um dos jogadores mais promissores do Corinthians sai, um cadidato a ídolo volta: o goleiro Felipe. De fora das duas últimas partidas do Paulistão por causa de uma lesão no ombro direito, o arqueiro treinou como titular. "Vai ser um jogo ofensivo na minha cabeça. Os dois times têm boas defesas, mas a vitória é importante. O Guará pode praticamente se garantir e nós temos de voltar para o grupo dos quatro primeiros", afirmou o zagueiro William, que terá a companhia de Carlão, que entra no lugar do suspenso lateral-esquerda André Santos.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansPaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.