Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Corinthians vê vitória sobre o Deportivo Lara como obrigação

Henrique destaca força da torcida e o fato do time alvinegro ter estreado pontuando na Colômbia

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

13 Março 2018 | 20h31

Os jogadores do Corinthians não fogem da responsabilidade da partida contra o Deportivo Lara, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians. O zagueiro Henrique admite que o clube brasileiro tem a obrigação de superar o venezuelano.

+ PM pede mudança na data de Bragantino x Corinthians no Pacaembu

+ Jadson sente dores e Sheik pode ser titular do Corinthians na Libertadores

+ Zeca passa por exames médicos para assinar com o Corinthians

"Jogando em casa e diante da nossa torcida, é uma obrigação, sim. Respeito o adversário, mas é uma obrigação. Buscamos um ponto fora contra o Millonarios e agora, em casa, vamos buscar três", projetou o defensor, lembrando que na primeira rodada, o Corinthians empatou sem gols com a equipe colombiana.

Embora o Deportivo Lara seja um clube jovem - fundado em 2009 - e desconhecido de boa parte do torcedor brasileiro, sua estreia na Libertadores chamou atenção. Em casa, o time comandado por Léo González derrotou o Independiente por 1 a 0.

O foco está no adversário desta quarta-feira, mas o Corinthians sabe que agora inicia uma sequência decisiva, com jogos pelo mata-mata do Paulista e também na Libertadores. "Sabemos que é tudo decisão. Em se tratando de Libertadores, é um jogo complicado, como é domingo, contra o Bragantino. Mas o foco está neste primeiro jogo e a cabeça está concentrada nisso. Na quinta, voltamos o foco ao Paulista", avisou o zagueiro.

Embora Henrique tenha dito sobre o jogo com o Bragantino no domingo, ainda não existe a confirmação da data da partida. A Polícia Militar pediu para que a Federação Paulista mude o horário do jogo, pois no mesmo dia, o São Paulo vai enfrentar o São Caetano, no Anacleto Campanella, às 16h, e existe a possibilidade de confronto entre as torcidas.

 

Mais conteúdo sobre:
Corinthians Arena Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.