Corinthians vence amistoso em Taubaté

O Corinthians venceu o Taubaté, por 2 a 0, no amistoso desta quarta-feira à noite, em Taubaté. Os gols saíram no segundo tempo e foram marcados por Rogério e Ricardinho. ?Após 45 dias de férias e folga posso considerar que a movimentação do dia foi boa?, afirmou o técnico Carlos Alberto Parreira. O primeiro tempo foi fraco. O Corinthians concentrou suas jogadas pela esquerda e só foi assustar a defesa do Taubaté no fim do primeiro tempo, quando Deivid, de cabeça, acertou a trave do goleiro Marcelo. Se o ataque foi estéril, a defesa demonstrou os mesmos erros do ano passado. O miolo da zaga formado por Scheidt e Batata, por várias vezes, errou na marcação e proporcionou escapadas do ataque do Taubaté. Na etapa final, parreira trocou Índio por Ângelo e conseguiu diversificar o ataque, que passou a atuar também pelo lado direito. Aos 15 minutos, Rogério cobrou falta da intermediária. A bola desviou na barreira e enganou o goleiro Marcelo: 1 a 0. Ângelo entrou bem na lateral direita e fez boas jogadas no ataque. Aos 25 minutos, obrigou o goleiro a boa defesa. Apenas o Corinthians atacava, principalmente, após a expulsão de Leonardo. Mesmo em ritmo lento, o time da capital chegou ao segundo gol aos 37 minutos. Gil cruzou da esquerda e Ricardinho, livre, só desviou de cabeça: 2 a 0. Apesar da vitória, Parreira percebeu que a estréia no Torneio Rio-São Paulo, contra o Fluminense, domingo, no Maracanã, será preocupante. Principalmente, por não poder contar com Luizão e Vampeta. Jogaram pelo Corinthians: Dida; Índio (Ângelo), Scheidt, Batata (Fábio Luciano) e Kléber; Fabinho (Fabrício), Rogério (Luciano Ratinho), Ricardinho e Gil; Luis Mário (Renato) e Deivid.

Agencia Estado,

16 de janeiro de 2002 | 23h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.