Corinthians vence e passa o Santos

Se Hugo ainda precisava passar por algum teste para provar que será destaque do Corinthians, a vitória por 2 a 0 sobre o Guarani, nesta quinta-feira, em Campinas, acabou com as dúvidas. O técnico Daniel Passarella busca a melhor formação para o duelo decisivo diante do Cianorte, dia 6, no Pacaembu, pela Copa do Brasil, mas já tem uma certeza: de todas as experiências realizadas, o meia obteve o maior índice de aprovação. Já tinha sido um dos melhores contra o União Barbarense, e nesta quinta-feira foi responsável direto pelo resultado.O jogador, no entanto, não quis arriscar e falar como se já tivesse garantido vaga no time, para a seqüência da temporada. "Primeiro, temos de pensar no jogo contra o Ituano (domingo), e depois partir para conseguir o resultado diante do Cianorte, que é aguardado por todos", comentou.Atuação - Aos 8 minutos, Hugo arrancou antes do meio-campo, foi à linha de fundo, e cruzou com precisão para o bem colocado Édson, que completou para as redes. Os times procuravam explorar os contra-golpes, mas enquanto Gil e Tevez poderiam definir o jogo a qualquer momento, os tímidos Evandro Roncatto e Catatau não ofereciam perigo - tanto que a única chance dos campineiros, no primeiro tempo, veio com Careca, em chute de fora da área. Antes do intervalo, Hugo teve ótima chance para ampliar. Na cobrança de escanteio, apareceu na área, mas cabeceou para fora.Os visitantes continuaram melhores na etapa final e só não chegaram à goleada graças a Jean, que saiu nos pés de Tevez e salvou gol certo do argentino e fez defesa milagrosa, quando Tevez deixou Gil livre para marcar. Mas Hugo foi premiado por sua boa atuação. Aos 32, o meia cabeceou sozinho, depois da cobrança de escanteio, e completou o marcador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.