Corinthians vence o Millonarios com o apoio de apenas quatro torcedores

Time paulista consegue seu primeiro triunfo na Copa Libertadores, por 2 a 0

Felipe Rosa Mendes, O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2013 | 23h55

SÃO PAULO - Depois de tropeçar na estreia, o

No decorrer do jogo, o sistema de som do estádio anunciava as substituições nas equipes. Até os atletas estranharam a situação. Ao comemorar seu gol, no segundo tempo, Pato correu em direção às arquibancadas sem saber para quem dedicar seu gol.  

Em campo, jogadores dos dois times respeitaram um minuto de silêncio pela morte do jovem boliviano morto na semana passada. Sem se afetar pela ausência da torcida, Tite prometeu o mesmo empenho de jogos disputados em situações rotineiras. "Vamos fazer o nosso trabalho independente da torcida estar próxima", avisou o treinador, que viu seus comandados cumprirem a promessa.  

O JOGO

Na sequência do empate morno na estreia, Tite resolveu fazer mudanças na equipe. Sacou Jorge Henrique e Emerson e colocou Renato Augusto e Pato em campo nesta noite. A alteração deu resultado e o time ganhou em fluidez no meio-campo e no ataque logo nos primeiros minutos da partida.  

Mais ofensivo que o rival, o Corinthians levou perigo pela primeira vez aos 5. Boa trama na intermediária culminou em chute forte de Paulinho. O volante só não abriu o placar por causa da boa defesa de Delgado.  

O goleiro, porém, pouco pôde fazer para evitar o gol de Guerrero. Aos 9, Renato Augusto cobrou escanteio na área, Paulinho furou, mas o peruano não. Ele encheu o pé e estufou as redes.  

Outra novidade da equipe, Pato ameaçou o gol colombiano em três jogadas na etapa inicial. Na primeira, recebeu enfiada de Danilo, saiu cara a cara com o goleiro, mas, ao invés de tentar fazer o drible, bateu direto para fora, aos 16.  

Aos 23, participou de jogada com Alessandro que terminou em boa finalização de Guerrero. A bola passou por cima do travessão. Dois minutos depois, Pato recebeu dentro da área e bateu de primeira. Delgado evitou o gol. Longe de acompanhar o ritmo do Corinthians, o Millonarios mal ameaçava o gol de Cássio.  

O segundo tempo teve o mesmo domínio dos brasileiros. A vitória foi praticamente garantida logo aos 3. Ralf cruzou na área e Pato completou para as redes com facilidade. Dois minutos depois, o atacante quase ampliou ao driblar o goleiro e mandar para fora.  

Com a boa vantagem no placar, o anfitrião não teve dificuldade para administrar o jogo. Mantinha a disputa no meio-campo e raramente era surpreendido por investidas do Millonarios.  

A situação ficou ainda mais favorável para o Corinthians aos 31, quando Martínez levou o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo. Mais tranquilo, Tite sacou o cansado Renato Augusto, além de Pato e Danilo, e deu nova chance a Emerson, Douglas e Romarinho. E, mesmo com as mudanças, o time brasileiro não teve problemas para confirmar o favoritismo.  

Depois de jogar com as arquibancadas vazias nesta quarta, o Corinthians poderá contar novamente com o apoio dos torcedores no domingo, pelo Campeonato Paulista. O time de Tite fará o clássico com o Santos, no Morumbi. A partida tem mando de campo dos santistas, que não poderão atuar na Vila Belmiro devido à punição aplicada pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo.  

CORINTHIANS 2 x 0 MILLONARIOS  

CORINTHIANS - Cássio; Alessandro, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo (Romarinho) e Renato Augusto (Douglas); Pato (Emerson) e Guerrero. Técnico: Tite.  

MILLONARIOS - Luis Delgado; Ochoa, Pedro Franco, Ithurralde e Martínez; Robayo (Juan Ortiz), Blanco, Otálvaro e Candelo (Mosquera); Rentería e Fredy Montero (Perlaza). Técnico: Hernán Torres.  

GOLS - Guerrero, aos 9 minutos do primeiro tempo. Pato, aos 3 minutos do segundo tempo.  

CARTÕES AMARELOS - Renato Augusto, Pedro Franco e Emerson.  

CARTÃO VERMELHO - Martínez.  

ÁRBITRO - Néstor Pitana (ARG).  

LOCAL - Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP). .

-----------------------------------------------------------------------------

LANCE A LANCE, por Robson Morelli

SEGUNDO TEMPO

48min - Acabou.

47min - O Corinthians toca a bola à espera do fim da partida.

42min - Romarinho enche o pé e o goleiro do Millonarios defende. Douglas também entra no jogo nesse fim de partida.

40min - Com um jogador a mais o Corinthians volta a pressionar. Romarinho e Emerson parecem ser os únicos que querem jogo nesse fim de segundo tempo. Os dois armaram correria na defesa do Millonarios, com conclusão de Emerson para fora.

37 min - Com duas entrada duras no rival, Emerson tem a atenção chamada pelo árbitro, e ganha amarelo. Emerson, que ficou no banco porque chegou em dois treinos da semana atrasado. Ele pode perder posição para Alexandre Pato.

32min - Martínez acerta Renato Augusto com um carrinho de frente e ganha o vermelho. Ele já tinha amarelo. Tite aproveita a pancada em Renato Augusto para colocar Douglas. Emerson entra também no lugar de Pato. O Corinthians já espera pelo apito do juiz para festejar a vitória em casa.

30min - Ralf e Paulinho já ficam um pouco mais no setor de marcação. Com Romarinho e sem Danilo, Renato Augusto fica no setor de armação. Tite vai melhorar isso com a entrada de Douglas.

25min - O Millonarios avança e toca bola na frente da área do Corinthians, que marca e corre atrás dos adversários. O time colombiano melhora no volume de jogo, mas não oferece perigo. Tite coloca Romarinho no lugar de Danilo (aos 28). O Corinthians fica com três atacantes e ganha um pouco mais de gás.

21min - Cássio é um mero repositor de bolas. O goleiro do Corinthians não fez uma defesa sequer. O locutor informa 4 pagantes no Pacaembu e renda de R$ 870.

18min - Embora o Pacaembu tenha apenas quatro torcedores, que entraram no jogo graças à liminar que conseguiram, o locutor do estádio dá informações como se o público fosse grande. O jogo está morno nesse momento. O Corinthians parece sem mais interesse em aumentar a vantagem, enquanto que o Millonarios não tem qualidade para pressionar os donos da casa.

12min - Como o jogo é fácil para o Corinthians e o Millonarios não bate, Pato abusa de sua técnica em todos os setores do campo. Seus toques são refinados. Certamente ele estará no time contra o Santos no fim de semana.

9min - O Corinthians não tem mais pressa para atacar. Danilo e Pato preferem tocar a bola com mais calma. Guerrero não entra nessa e pede a bola em velocidade. O Corinthians é melhor.

3min - GOOOOLLLLL DO CORINTHIANS, de Pato: 2 a 0. O atacante chega no segundo pau para cutucar cruzamento de Ralf da direita. O Corinthians estava em cima do Millonarios, já havia conseguido dois escanteios. Pato vai no alambrado comemorar o gol.

1min - O Corinthians não faz alteração. Alexandre Pato continua no comando do ataque. O Millonarios tenta ao menos deixar o Pacaembu, nesta quarta com apenas quatro torcedores, com um empate, o que lhe deixará vivo na competição

PRIMEIRO TEMPO

46min - Acabou. Guerrero fez o gol do Corinthians. Os quatro torcedores aplaudem os jogadores.

43min - O jogo perde em qualidade nesse momento. O Corinthians tem um pouco mais de dificuldade para tocar a bola. Os coloimbianos marcam mais em cima e saem para o jogo.

40min - O jogo também tem poucas faltas. As duas equipes jogam limpo.

35min - O Corinthians recua um pouco contra a vontade de Titem que pede para seus atacantes, principalmente, que saiam para o jogo. A disputa fica morna, com muitos toques no meio de campo e pouco chutes a gol.

30min - O Corinthians tira um pouco o pé. Tem dificuldades para sair de sua defesa e da marcação dos rivais. Os jogadores do Millonarios avançam em busca do gol de empate. Já jogam mais no campo corintiano. Mas sem assustar Cássio.

25min - Está muito fácil para o Corinthians. O time colombiano é fraco e marca mal. Todas as jogadas de ataque são perigosas. Pato acaba de chutar forte para a boa defesa do goleiro.

23min - Boa trama de Pato e Guerrero. O atacante peruano encheu o pé, mas mandou a bola sem direção. O passe de Pato foi na medida. Pato não tem como ficar no banco do Corinthians a não ser por contusão ou falta de preparo físico. Ele é muito técnico e inteligente.

21min - Danilo tem feito boa partida. Ele alimenta todo o setor de ataque do Corinthians, sobretudo pela esquerda. Foi dele o passe para o quase gol se Alexandre Pato. O Corinthians dá um pouco de espaço no meio para que o rival saia da defesa.

16min - Pato teve chance de ampliar, mas toca para fora após se esticar para pegar passe de Danilo. Ele talvez tenha ficado na dúvida se fosse dar tempo de chegar na bola. Só dá Corinthians nesse começo de jogo.

15min - Os jogadores do Millonarios não conseguem passar do meio de campo. E o time colombiano precisa ganhar porque perdeu a primeira na fase de grupos.

13min - Tite fala com os jogadores, sem gritar e assobiar, como geralmente faz com o estádio lotado. Parece treino no CT Ecológico.

10min - GOOOLLLLL DO CORINTHIANS, de Guerrero: 1 a 0. A jogada foi de escanteio. A bola espirrou na área e nas pernas dos jogadores e sobrou para Guerrero, que chutou firme e foi para o abraço. Os quatro torcedores festejaram.

9min - Os jogadores do Millonarios erram passes na saída de bola, no meio de campo. Uma bola roubada pode deixar os atacantes na cara do gol de Delgado. O Corinthians joga bem, mas sem pressa. Toca e faz a bola rolar.

5min - Emerson está no banco porque foi punido pelo técnico Tite. O atacante chegou em dois treinos atrasados. E assim deu sua vaga para Pato. O Millonarios adianta a marcação para tentar o erro dos jogadores do Corinthians.

2min - É possível ouvir os jogadores dos dois times o tempo todo. O Corinthians já chegou duas vezes na área do Millonarios. A pressão vai ser grande

1min - Com quatro torcedores no Pacaembu, todos eles com liminares nas mãos para entrar no estádio, o Corinthians aposta em Pato e Guerrero no ataque para furar o bloqueio da defesa do Millonarios. Tite também escala Renato Augusto no meio de campo. É feito 1 minuto de silêncio absoluto pela morte do garoto Kevin. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.